Prefeitura pede urgência para inclusão de famílias no Aluguel Social

A Prefeitura de Niterói prioriza, nesta segunda-feira (12), o acolhimento das vítimas da comunidade da Boa Esperança, em Piratininga. O Município trabalha na elaboração do projeto de lei que amplia o escopo do Aluguel Social, para incluir o pagamento do benefício para essas famílias. O projeto será enviado para a Câmara dos Vereadores, em regime de urgência, nesta terça-feira (13). Unidades habitacionais já em construção no bairro do Fonseca serão entregues, no dia 20 de dezembro, às 22 famílias das residências afetadas.

As secretarias municipais de Saúde, Assistência Social, Obras, Conservação e Serviços Públicos, e Companhia de Limpeza mantêm cerca de 200 pessoas trabalhando na limpeza do local e na Escola Municipal Francisco Portugal Neves, em Piratininga, onde estão concentradas as 9 toneladas de donativos arrecadados. Técnicos da Defesa Civil estão monitorando as casas no entorno e 17 permanecem interditadas.

A Prefeitura agradece a solidariedade dos niteroienses e informa que, no momento, não há a necessidade de novas doações. Já foram distribuídos kits com materiais de limpeza, higiene pessoal, alimentos e água para 18 famílias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 1 =