Prefeitura lança projeto de revitalização da Concha Acústica

Um dos principais equipamentos esportivos da cidade de Niterói, o Parque Esportivo da Concha Acústica passará por revitalização. Durante o evento de lançamento, na manhã de ontem (7), a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SMEL) detalhou as melhorias que o espaço receberá.

O evento contou com a presença do secretário titular da pasta, Luiz Carlos Gallo, do prefeito Axel Grael (PDT), do vice-prefeito Paulo Bagueira (SD), entre outras autoridades. Gallo afirmou que essa obra já estava prevista há cerca de três anos. No entanto, a pandemia da Covid-19 atrasou o cronograma.

“O resultado é fruto de um trabalho que tem sido muito bem executado. Nós vamos voltar com as políticas públicas para atender o social. Este vai ser o nosso objetivo. Vamos deixar para a cidade um complexo de qualidade. Há três anos temos trabalhado nisso, veio a pandemia. Este equipamento vai ser entregue à cidade e vamos retomar as políticas de esportes em Niterói”, disse.

De acordo com o órgão, o local será preparado para receber competições de porte profissional. O polo esportivo contará com ginásio climatizado com capacidade para mais de duas mil pessoas, quadra de 40 metros polivalente, placar eletrônico e salas administrativas.

O espaço também terá campo de futebol com grama sintética, quadras externas, pistas de corrida e caminhada. O projeto também prevê a implantação de um parque que começará no Caminho Niemeyer, passando pela Praça Araribóia, e pela Praça JK, terminando no Parque Esportivo da Concha Acústica.

Axel Grael destacou que obra faz parte do plano de revitalização da região Central da cidade. Além disso, o prefeito afirmou que o momento é histórico para o esporte niteroiense. “O Centro da cidade de Niterói faz parte de um projeto muito maior, que é o Niterói 450 anos. Este é um momento histórico para o esporte de Niterói e o secretário Gallo é uma pessoa do esporte”, afirmou.

O plano Centro 450, do qual a revitalização da Concha Acústica faz parte, terá investimentos de cerca de R$ 400 milhões em obras que vão revitalizar a paisagem, a infraestrutura, a mobilidade e a acessibilidade da região central de Niterói. As obras serão conduzidas pela Empresa Municipal de Moradia, Urbanização e Saneamento (Emusa).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.