Prefeitura de São Gonçalo denuncia descarte irregular de lixo hospitalar no bairro Boa Vista

A prefeitura de São Gonçalo denunciou, nessa sexta-feira (08) o descarte irregular de lixo hospitalar, de pacientes de Covid-19 – do Hospital Universitário Gafrèe Guinle, situado no bairro Maracanã, Zona Norte do Rio –  num terreno baldio, na Rua Belmiro Braga, no bairro Boa Vista.

Segundo a prefeitura, o material foi encontrado por equipes do Meio Ambiente e Limpeza Urbana após a denúncia de uma moradora, nas imediações da Rodovia BR-101. No local foram encontradas máscaras, luvas descartadas, lenções, entre outros materiais.

“Todo administrador dos serviços de saúde tem conhecimento da regulamentação sobre o descarte de resíduos. O que aconteceu é irregular e crime ambiental. O descarte desse material é de responsabilidade da unidade de onde saiu. Neste caso, ainda é de outra cidade. Isso é questão de saúde pública. O espaço em que o lixo hospitalar é depositado deve ser preparado para evitar contaminação do solo e problemas para o meio ambiente!”, declara o subsecretário de Limpeza Urbana, Marco Porto.

Em nota, o Hospital Universitário Gaffrée e Guinle afirmou que o contrato para o serviço de descarte do material foi firmado com a empresa Resíduo All, que apresenta as licenças ambientais, credenciamentos e certificados.

Com respeito a denúncia, diz que “caso, por parte da contratada, o acordado não tenha sido cumprido, não há como, de antemão, a unidade tomar conhecimento”. A unidade também ficou de averiguar com rigor possíveis irregularidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze + 20 =