Prefeitos e vereadores passarão a ganhar mais

No período a ser iniciado a 1º de janeiro, os eleitos terão direito a uma nova escala de subsídios, que poderão ser majorados quando ocorrer – e na mesma proporção – o aumento salarial para o funcionalismo público municipal.

Aprovada pela Câmara Municipal a lei de aumento dos subsídios foi sancionada pelo prefeito Rodrigo Neves na véspera da eleição.

O prefeito passará a receber R$ 25.802.81 e o vice-prefeito, R$ 22.026,79. cabendo aos Secretários Municipais (e equiparados) a remuneração de R$ 10.791,35.

Já os 21 vereadores terão direito ao subsidio de R$ 10.791,35, mais as gratificações pelo exercício de funções nas Comissões Técnicas, entre outras vantagens.
Para a fixação da nova tabela a Câmara Municipal teve de respeitar a determinação constitucional de não gastar mais de 5% da receita tributária municipal e de se limitar à remuneração dos vereadores na proporção de 60% dos subsídios dos deputados estaduais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *