Possibilidade do Carnaval fora de época em julho é descartada

Através das redes sociais, o prefeito do Rio, Eduardo Paes, descartou a possibilidade do Carnaval ser realizado em julho na cidade. O evento, denominado de “CarnaRio-Carnaval fora de época” havia sido incluído no calendário de datas oficiais do Estado, no dia 13. Em suas postagens, Paes afirmou “ser impossível” preparar a cidade para a festa fora de hora, mesmo transcorrendo o plano de vacinação.

O Carnaval, anteriormente seria realizado entre os dias 13 e 16 de fevereiro, mas depois as escolas de samba os blocos adiaram os desfiles para julho devido à pandemia. E este segue sendo o motivo para o novo adiamento.

“Nunca escondi minha paixão pelo Carnaval e a visão clara que tenho da importância econômica dessa manifestação cultural para nossa cidade. Essa celebração exige uma grande preparação por parte dos órgãos públicos e das agremiações e instituições ligadas ao samba. Algo impossível de se fazer nesse momento. Dessa forma, gostaria de informar que não teremos Carnaval no meio do ano em 2021″, afirmou Paes.

O “CarnaRio-Carnaval fora de época” foi incluído no calendário permanente de datas oficiais do Estado. A lei foi sancionada pelo governador em exercício Cláudio Castro e o objetivo era aquecer a economia e o turismo. A medida visava ainda a criação de postos de trabalho e venda de produtos e serviços, numa data que coincidia com as férias escolares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze + 10 =