Ponte Rio-Niterói completa 48 anos

Nessa sexta-feira (4) a Ponte Presidente Costa e Silva, mais conhecida como Ponte Rio-Niterói, completa 48 anos de fundação. As obras começaram em 1969 e em 1974 foi aberta para os carros, sendo uma das maiores pontes do mundo com 13 quilômetros de extensão e até 70 metros de altura (no Vão Central).

A principal ligação entre Rio e Niterói recebe em média 150 mil veículos por dia, segundo dados da Ecoponte. A via transporta cerca de 400 mil pessoas, de acordo com o Instituto Baía de Guanabara (IBG) e beneficia o intercâmbio comercial da região, facilita o escoamento da produção regional e contribui para o desenvolvimento turístico o Estado.

O Jornal A TRIBUNA noticiou na época várias matérias anunciando a construção e o primeiro dia em que foi aberta aos motoristas. A novidade foi tamanha que até uma espécie de manual foi publicado: ‘Aprenda a usar a Ponte’, além de mapas e fotografias. A euforia provocou uma imensa fila de motoristas que esperaram horas para serem os primeiros a atravessar a Ponte.

A Ponte é considerada um marco na engenharia nacional pela complexidade de sua obra e suas dimensões. O IBG garante que a Ponte tem o maior vão em viga reta contínua do mundo – o Vão Central, uma estrutura de aço com 300 metros de comprimento suspensa a 60 metros de altura; a mais importante estrutura protendida das Américas, com mais de 2.150 quilômetros de cabos em suas entranhas; uma das três maiores pontes do mundo em volume espacial – a relação entre o comprimento, a largura e a altura dos pilares e fundações.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.