Policial morto em São Gonçalo é sepultado no Rio

O corpo do cabo da Polícia Militar, Thiago Lopes Gonçalves, foi sepultado, na manhã de terça-feira (27). O funeral do policial, que era lotado no Batalhão de Rondas Especiais e Controle de Multidões (Recom), teve honras militares e aconteceu, às 11h30min, no Cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap, Zona Oeste do Rio de Janeiro.

A Secretaria de Estado de Polícia Militar, por meio de nota, lamentou profundamente a morte do militar. O policial estava em serviço no domingo (25), quando foi atingido por tiros em ação de patrulhamento na Estrada da Covanca, Porto do Rosa, em São Gonçalo. O cabo Thiago foi socorrido ao Hospital Estadual Alberto Torres (Heat), em São Gonçalo, mas não resistiu aos ferimentos.

Dois suspeitos morreram no local da troca de tiros. Um terceiro envolvido foi levado para o Pronto Socorro de São Gonçalo (PSSG). De acordo com a Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Maricá (DHNSG), o acusado que sobreviveu foi preso em flagrante pelo homicídio contra Thiago. O detento está internado, sob custódia. Drogas foram apreendidas na ação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 + 14 =