Polícia prende suspeito que atirou e matou em praia de Arraial do Cabo



Uma ação planejada digna de cinema foi protagonizada por policias do Núcleo de Homicídios da 132ª DP (Arraial do Cabo) para prender na quarta-feira (14) um homem, de 48 anos, suspeito de matar um jovem de 20 anos e participar de um tiroteio que baleou cinco banhistas em uma das praias da cidade. Contra ele foi expedido um mandado de prisão temporária ontem (13) e dois mandados de busca e apreensão foram cumpridos na ação. Um comparsa do homem é procurado pelos agentes. O coautor do crime ocorrido na Prainha em 26 de setembro deste ano tem contra ele também um mandado de prisão em aberto.

O conflito aconteceu depois da vítima se mudar da cidade e trocar de facção. Junto do jovem estava o criminoso chamado Pará, que estava armado, e reagiu. Pará saiu da prisão no começo do ano, segundo as informações. Já o preso, de acordo com a polícia, tem passagens pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, lesão corporal, ameaça e outros. A polícia busca agora pelo comparsa do traficante, o condutor da moto usada para o deslocamento da dupla.

De acordo com a delegada titular da unidade, Patrícia Aguiar, a operação foi de inteligência com agentes disfarçados e infiltrados seguindo os passos do acusado. Um trabalho de duas semanas para a identificação de autor e ata de maiores pistas como a motivação do crime. Imagens de câmeras de segurança do local mostraram o criminoso, que havia saído do sistema prisional em 2018, chegar no local do crime em um sábado à tarde na garupa de uma moto junto do comparsa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + quatro =