Polícia identifica mulher que agrediu menino autista em condomínio no Rio

Uma mulher que arrastou um adolescente em um condomínio na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, foi identificada por policiais Delegacia da Criança Adolescente Vítima (DCAV).

A cena foi filmada pelas crianças que estavam no local. As imagens registram claramente a mulher arrastando o adolescente pelo corredor de uma das áreas comuns do condomínio.

Segundo os agentes, a confusão aconteceu porque a placa do carro da moradora apareceu amassada. Visivelmente alterada no vídeo, ela acusa o menino e o agride. Os investigadores estiveram no condomínio nesta quinta-feira (1º). Após conversas com moradores, constataram que a suspeita é uma pessoa agressiva e sabia que o menino é autista.

O delegado Adriano França instaurou um inquérito para apurar os crimes de agressão contra pessoa portadora de necessidades especiais, lesão corporal e constrangimento ilegal. Além da agressora, foram identificados a vítima e testemunhas.

A investigação está sob sigilo para não expor a vítima. Nesta sexta-feira (2), é comemorado o Dia Mundial da Conscientização do Autismo.

Foto: Reprodução/TV Globo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 1 =