Polícia desencadeia nova fase de operação contra ilegalidades no futebol

Foi desencadeada pela Polícia Civil nesta segunda-feira (11) a Operação Limpidus, que investiga repasses de ingresos e partidas de futebol para torcidas organizadas. os agentes buscam cumprir 14 mandados de prisão preventiva, entre elas o assessor de imprensa da presidência do Fluminense, Artur Mahmoud.

O objetivo da operação é combater as ilegalidades cometidas no meio esportivo envolvendo dirigentes de clubes de futebol e dirigentes de torcidas organizadas. As ilegalidades vão desde o desvio de ingressos para fins de cambismo, como o descumprimento de decisões judiciais por partes do clubes, que fornecem ingressos e financiam torcidas organizadas penalizadas com medida de afastamento, fomentado dessa forma, a violência nos estádios.

Nesta segunda, além do Artur Mahmoud, também foram presos: o presidente da torcida organizada Raça Fla, Alesson Galvão de Souza e dois representantes da empresa responsável pela confecção de ingressos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − 10 =