Polícia desarticula quadrilha especializada em roubos de celulares

Policiais da 65ª DP (Magé), com apoio da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core), realizaram, na manhã dessa quinta-feira (14), a Operação Amigo da Onça, na Baixada Fluminense e São Gonçalo, na Região Metropolitana, com o objetivo de prender integrantes de quadrilha especializada em roubo de aparelhos celulares.

Durante a ação, quatro pessoas foram presas, e a investigação apontou que o bando agia escolhendo as vítimas que possuíam celulares iPhones dentro do próprio círculo de relacionamentos. Desta forma, esperavam alguma oportunidade em que estivessem juntos para serem abordados por outros dois integrantes da quadrilha, que roubavam a vítima.


Ainda segundo o apurado, após o roubo, os autores intelectuais do crime compareciam à delegacia afirmando terem sido assaltados. A ação chamou a atenção dos investigadores, já que nesses assaltos as vítimas sempre possuíam iPhones de alto valor comercial e relatavam que os criminosos as ameaçavam com emprego de arma de fogo até que desativassem o iCloud do aparelho, possibilitando a revenda do telefone.


De acordo com a unidade, a identificação dos autores foi possível a partir de investigação dos receptadores de aparelhos roubados. Foi verificado que os responsáveis pela venda dos telefones eram os dois integrantes da quadrilha que se faziam de vítimas.

Com base em ações de inteligência, a unidade constatou que os celulares roubados eram vendidos pela internet, sendo anunciados por rede social, em que um dos autores se dizia estagiário do Tribunal de Justiça, para dar credibilidade à origem do produto. Os celulares eram vendidos por R$ 3 mil reais cada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − sete =