Polícia Civil apreende 60 fuzis enviados de Miami para o Rio

Augusto Aguiar

Policiais da Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarme) e da Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas (DRFC), apreenderam ontem, 60 fuzis de guerra, no Terminal de Cargas do Aeroporto Internacional do Rio. São fuzis modelo AK 47, G3 e AR 10, de grande poder de destruição, vindos de Miami escondidos dentro de contêineres junto a uma carga de aquecedores para piscinas. A apreensão das armas chamou atenção até mesmo dos próprios policiais, especializados no trabalho de repressão ao tráfico de armas. A apreensão da remessa foi resultado de um trabalho de investigação da recém-criada Desarme, inaugurada em abril.

No início de maio, a PM fez uma apreensão de 32 fuzis após o confronto entre facções pelo controle na venda de drogas da comunidade de Cidade Alta, Cordovil, na Zona Norte. Na ocasião, o secretário de Segurança do Rio, Roberto Sá, afirmou que não se lembrava de uma apreensão maior de armas do tipo durante sua carreira. Estima-se que a apreensão representou um prejuízo aos traficantes da ordem de R$ 1,6 milhão. O número é estimado por investigadores da Polícia Civil do Rio, levando em conta que no mercado clandestino, um fuzil custa, em média, R$ 50 mil. Os cálculos deixam de lado as pistolas, munições e granadas apreendidas na ação. Uma das mais importante missões da da Desarme é encontrar o caminho percorrido das cerca de 25 armas apreendidas por dia no estado.

Já a Polícia Federal, em parceria com o Exército Brasileiro, vem realizando os procedimentos para a destruição de aproximadamente quatro mil armas recolhidas pela PF nos últimos dois anos. Esse montante é o resultado de investigações do órgão, da fiscalização das atividades de segurança privada ou que foram entregues voluntariamente pela população. Nesta sexta-feira ocorrerá uma cerimônia na Vila Militar, no bairro de Deodoro, Zona Norte do Rio, onde serão destruídas as armas com a presença de autoridades da PF e de outros órgãos. O evento será no Batalhão de Manutenção e Suprimento de Armamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 5 =