Petrobras reajusta preços de gasolina, diesel e gás de cozinha

A Petrobras anunciou nesta quarta-feira (12) que promoverá reajustes médios de 4% para a gasolina e de 2% para o óleo diesel (S10 e S500) nas suas refinarias, com vigência a partir desta quinta-feira, dia 13. Este será o sexto aumento consecutivo do diesel no ano. Já o reajuste da gasolina acontece após uma redução de 4% no preço, registrada em julho passado, depois de nove altas seguidas.

Já o preço do Gás Liquefeito do Petróleo (GIP), mais usado nas residências em botijões de 13 quilos, terá um aumento médio de 5%, sendo o quinto reajuste de preços do produto nas refinarias da Petrobras, válido também para o produto consumido nas indústrias e comércio.

O motivo da majoração dos preços é a alta do petróleo tipo Brent, cujo barril teve a cotação a US$ 45,43 nesta quarta-feira no mercado internacional, que vem pressionado os preços internos da companhia.

A Petrobras havia reajustado os preços pela última vez em 23 de julho, um aumento de 6% em média. Os preços do GLP flutuam acompanhando o petróleo do tipo Brent com as tarifas do gás natural, com demanda da indústria petroquímica, demanda de GLP, especialmente para calefação no inverno do Hemisfério Norte.

Esses reajustes praticamente zeraram a redução acumulada este ano, ficando em torno de 0,7%. Desde novembro do ano passado a Petrobras igualou os preços de GLP para os segmentos residencial e industrial/comercial vendidos pela estatal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 − 4 =