Pesquisa eleitoral de Niterói mostra novo cenário

Levantamento feito pelo Instituto Gerp Pesquisa Estratégica, encomendada pela Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) para as eleições a prefeito de Niterói, divulgado ontem, mostra o novo cenário da disputa para a eleição em 2 de outubro entre o pré-candidato do PV, prefeito Rodrigo Neves e o do PSB, Felipe Peixoto, com o do PSOL, deputado Flávio Serafini, e a candidata do Pstu Danielle Bornia.

Na espontânea, o chefe do Poder Executivo tem 52% das intenções de voto, seguido de Felipe, com 27% e Serafini, com 7% seguido de Bornia com 6%. A pesquisa aponta que 30% dos entrevistados ainda não sabem em quem votar. A margem de erro é de 3,78 pontos percentuais para mais ou para menos. Em uma simulação de 2º turno entre Rodrigo e Felipe, o primeiro teria 41% contra 23% do segundo. Neste cenário, 24% votariam nulo e 12% estão indecisos.

O chefe do Poder Executivo tem a maior rejeição, com 27%; seguido de Felipe, com 23% e Serafini, 14% e Danielle Bornia com 15%. Sobre qual candidato considera o mais confiável Rodrigo Neves tem avaliação de 34% dos eleitores entrevistados. Já Felipe, tem 19% e Serafini e Danielle Bornia aparecem empatados com 5%, contra 28% de eleitores que não confiam em nenhum deles.

A pesquisa, contratada pela CDL por R$ 18 mil, foi realizada entre os dias 3 e 6 de setembro, com 700 eleitores, no município de Niterói, sendo registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) sob o número RJ-00774/2016.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − 15 =