Paulo Gustavo: equipe médica divulga novo boletim

A equipe médica que está assistindo o ator Paulo Gustavo, que está internado desde 13 de março, no Rio de Janeiro, com complicações decorrentes da COVID-19, emitiu novo boletim médico na noite desta terça-feira (4), divulgado à imprensa pela assessoria do artista.

“Após a constatação da embolia gasosa disseminada ocorrida no último domingo, em decorrência de fístula brônquio-venosa, o estado de saúde do paciente vem deteriorando de forma importante.
Apesar da irreversibilidade do quadro, o paciente ainda se encontra com sinais vitais presentes.”

Durante a tarde desta terça-feira (4), alguns veículos de imprensa chegaram a divulgar que o ator teria morrido. A atriz Tatá Werneck fez um desmentido público, dizendo que o ator estava vivo. Vários jornalistas fizeram plantão na porta do Hospital Copa Star, onde o ator está internado, principalmente após familiares de Paulo Gustavo chegarem ao local.

Na segunda-feira (3), o boletim médico divulgado relatava que “houve piora acentuada do nível de consciência e dos sinais vitais” de Paulo Gustavo e aponta que “novos exames demonstraram ter havido embolia gasosa disseminada, incluindo o sistema nervoso central, em decorrência de uma fístula bronquíolo-venosa”.

Em nota, a Prefeitura de Niterói informou que recebeu a notícia da irreversibilidade do quadro do ator e humorista Paulo Gustavo, vítima da Covid-19, com muita tristeza e lembrou da identificação do artista com a cidade. “Paulo sempre buscou valorizar a nossa cidade, que ele tanto ama, em seus grandes trabalhos. A divulgação que ele fez de Niterói tem um valor inestimável. Diversas vezes se mostrou preocupado e engajado na luta contra o novo coronavírus e no apoio aos mais vulneráveis. Muita força a todos os amigos e familiares e vamos continuar com pensamentos positivos pelo nosso querido Paulo Gustavo”, afirmou a nota.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 − treze =