Parque do Campo de São Bento deve reabrir na próxima semana

Os proprietários do parque de diversões do Campo de São Bento, em Icaraí, na Zona Sul de Niterói, acreditam que na próxima semana o parque voltará a funcionar, após interdição desde o dia 19 setembro. Na terça-feira (9) eles se reuniram com representantes do Corpo de Bombeiros para entender a interdição. Uma das proprietárias do parque, Terezinha Alves, explicou que estão sendo feitas algumas adequações, em caráter de urgência e emergência, para a celeridade do processo.

Questionada sobre quais seriam essas adequações a empresária preferiu não comentar o que está sendo mudado no tradicional parque.

“São modificações normais e dentro da normalidade. Temos que adequar algumas coisas. Na semana que vem acredito que vamos conseguir reabrir. O Corpo de Bombeiro ainda está pedindo uma exigência e estamos tentando, junto com nosso suporte, entender e cumprir essas questões”, resumiu.

O Corpo de Bombeiros foi questionado e explicou apenas que “quem libera o funcionamento não é o Corpo de Bombeiros. O Corpo de Bombeiros faz parte do processo de regularização”. Novamente a reportagem perguntou que o parque está regulamentado ou não, mas não teve manifestação sobre esse assunto.

Na vistoria do último dia 3, pelos Bombeiros, foi informado que o parquinho não teria o Laudo de Exigências ou Certificado de Aprovação expedido pelo próprio órgão e que os responsáveis foram notificados para regularização. Dez funcionários trabalham no parque e os empresários tiveram que reduzir a jornada de trabalho e implantar o sistema de rodízio para minimizar os custos e manter a folha de pagamento em dia.

O ACIDENTE

No dia 19 de setembro uma cabine do “carrossel dos elefantes” teria se desprendido do eixo principal do brinquedo e colidido com a grade de segurança do equipamento. De acordo com o Corpo de Bombeiros, a vítima adulta, Jovelina da Silva, de 62 anos, foi socorrida e precisou ser encaminhada para o Hospital Estadual Azevedo Lima (Heal), no Fonseca, Zona Norte da cidade, recebendo alta no dia seguinte. A criança não precisou ser encaminhada ao hospital. Desde então o parque está interditado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × cinco =