PRAZO DE INSCRIÇÃO PARA CONCURSO DO CENSO 2022 É PRORROGADO

PRAZO DE INSCRIÇÃO PARA CONCURSO DO CENSO 2022 É PRORROGADO

As inscrições do processo seletivo para recenseadores e agentes censitários do Censo Demográfico 2022 foram prorrogadas até 21 de janeiro de 2022. São 206.891 vagas temporárias para todo o país. Para se inscrever,
é preciso acessar o site da organizadora do concurso.
De acordo com Bruno Malheiros, coordenador de Recursos Humanos do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a decisão de prorrogar o prazo foi tomada devido ao processo ter sido aberto em período de férias e
festas de fim de ano, quando a população costuma viajar.
“Os alunos das universidades são parte do público que se interessa pelo trabalho de recenseador, e eles estão de férias neste momento. Além disso, muita gente está empregada com contratos temporários que expiram agora
no final de dezembro, e vai começar a buscar novas oportunidades.”

Estão sendo oferecidas 183.021 vagas para recenseadores, com remuneração variável e horário de trabalho flexível; 18.420 para agente censitário supervisor, com salário de R$ 1.700; e 5.450 para agente censitário municipal, com salário de R$ 2.100. Os agentes censitários têm carga de trabalho de 40 horas semanais.

Há 50 ANOS, JÂNIO QUADROS TENTOU EVITAR DEVASTAÇÃO Á BEIRA DOS RIOS

Através de um dos seus célebres ‘bilhetinhos’, determinando medidas imediatas para a ação pública, o ex-Presidente Jânio Quadros recomendou medidas legais e ações administrativas para a proibição de construções imobiliárias às margens dos rios.
A região norte-fluminense vinha sofrendo grandes enchentes. Foi em consequência da situação que abrangeu, com menos intensidade, a região metropolitana. O governador Roberto Silveira acabara de embarcar num helicóptero, para sobrevoar o estado. O aparelho tombou e explodiu, causando a sua morte.
Um dos pontos com prejuízos mais marcantes foi Itaperuna, cidade onde estacas situadas mais de seis metros acima do nível normal das águas do Rio Muriaé, sustentavam e ainda sustentam valiosas edificações. Apesar da altura, as águas lamacentas, invadiram os imóveis e chegaram à Rua General Osório.
O temor é grande na região onde as chuvas estão sendo traduzidas pela elevação do nível das águas de Rios como o Muriaé, Itabapoana, entre outros caudalosos, e que se destinam ao Rio Paraíba do Sul no destino do Oceano Atlântico. A tragédia é costumeira em todo o país e a imprevidência amplia as consequências das chuvas até mesmo em metrópoles, como Belo Horizonte, a primeira grande cidade planejada no país. Mas este quadro não está presente na modelar Brasília (foto), que obedeceu aos cuidados Plano Diretor de Lúcio Costa, escolhido em meio a um concurso público e técnico, na gestão de um administrador da grandeza e experiência de JK.

MATAS CILIARES

Não há respeito à legislação visando a proteção das matas ciliares, importante instrumento para evitar a erosão do solo e que as enxurradas conduzam material poluente para as águas.
O padrão ambiental considera área protegida a faixa de 10 metros de cada margem em rios com até 10 metros de largura. Passa para 50 metros quando o rio chegar até 50 metros de largura.
A escala é crescente a ponto de exigir uma proteção de 500 metros onde o rio é mais largo, passando de 600 metros de margem a margem.

MUDANÇAS NO TJ-RJ

No início do Ano Judiciário de 2022, os advogados fluminenses estarão mobilizados para a aprovação dos nomes dos seus integrantes habilitados à indicação para compor a lista tríplice a ser elaborada pelo Tribunal de Justiça. A escolha do novo integrante do corpo de 200 desembargadores, caberá ao governador Cláudio Castro.
Até março, serão conhecidas as vagas a serem abertas. Sabe-se que o desembargador mais antigo é o ex-presidente do TJ e construtor do novo Fórum de Niterói, Luiz Zveiter, irmão do deputado federal Sérgio Zveiter. Ele está no cargo desde cinco de outubro de 1998.
Também se comenta que o nome mais badalado para integrar a lista da vaga destinada à classe dos advogados é do advogado militante e ex-Procurador Geral da Prefeitura de São Gonçalo, Vitor Marcelo Aranha Rodrigues, atualmente representando a classe dos advogados no mandato temporário de desembargador junto ao TRE-RJ.
Este ano, foram empossados 17 dos atuais 184 desembargadores fluminenses.
Saúde muda em Cabo Frio
Alegado motivos pessoais, o Secretário de Saúde de Cabo Frio, Felipe Ferreira deixou a pasta na antevéspera da passagem do ano. Está sendo substituído pela Secretaria-Adjunta de Assistência à Saúde, Érika Braga.
Cabo Frio, como Búzios e Arraial, já atingiram a mais de 91% da capacidade da lotação para visitantes.
Recentemente, inaugurou mais oito leitos clínicos no Hospital Prefeito Otime dos Santos.
Oficialmente, o município, gerido por José Bonifácio, tem registro de 2.220 óbitos e passou de 54 mil casos de infecções pela Covid.

NOVO DEPUTADO

Embora não reeleito, o ex-deputado do Coronel Jairo tem motivos de alegria para encerrar o ano. Conquistou a titularidade em substituição a Vandro Família, que havia sido afastado acusado de prática incompatível na campanha eleitoral ao distribuir cestas básicas para servidores da Câmara de Magé.
Vandro havia obtido 50% a mais dos votos conquistados pelo político do SDD.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.