Padroeiro de São Gonçalo celebrado com missas e procissões

Nesta sexta-feira (10) é comemorado o dia de São Gonçalo do Amarante, padroeiro da cidade de São Gonçalo, e o dia e o final de semana serão repletos de festejos, principalmente no entorno da Paróquia São Gonçalo de Amarante, no Zé Garoto. Na própria sexta-feira, a missa será celebrada às 8h e a procissão às 18h30min saindo da praça Zé Garoto. O encerramento da caminhada acontecerá com a segunda missa do dia, às 19h30min seguida de show com a comunidade Divina Luz.

No sábado a festa continua e às 18h será celebrada uma missa seguida de um show da Banda Zero Hora. No domingo, 12, as missas serão celebradas às 7h e às 11h, ao meio dia será servido um almoço, e às 19h30min a última missa será celebrada para encerrar os festejos do padroeiro de São Gonçalo. Na parte externa, após a missa, terá show de MPB com Sheila Sá. A gonçalense Marina Duarte, 39 anos, está animada para ir na missa amanhã. “Eu vou em todos os anos na missa e agradeço minhas bençãos e faço meus novos pedidos. É uma ótima oportunidade de agradecer o ano que passou e pedir proteção para o novo ano”, contou.

A Prefeitura de São Gonçalo informou que não haverá expediente na sexta-feira, com exceção das repartições cujo serviço for indispensável, como Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil e a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano. “São Gonçalo do Amarante é o padroeiro da nossa cidade, então esse é um momento muito especial para nos unirmos em comemoração e agradecer a ele e a Deus por todas as bençãos. É um dia muito especial para nossa comunidade”, declarou o prefeito José Luiz Nanci.

HISTÓRIA DO SANTO

De acordo com a Arquidiocese de Niterói em 1579, Gonçalo Gonçalves recebeu a propriedade da sesmaria do Suassunhão, localizada entre o rio São Lourenço e a atual praia das Pedrinhas. Renomeou a terra para São Gonçalo e mandou construir uma capela em homenagem ao santo com seu nome e padroeiro de sua cidade natal, em Portugal. Alguns historiadores contam que a cidade de São Gonçalo teve seu marco original a partir da capela que deu lugar hoje à Igreja Matriz de São Gonçalo de Amarante. Outros contam que a primeira capela foi construída em Guaxindiba e que, depois de demolida, foi transferida para o local atual. A capela foi elevada à categoria de paróquia em 1643 e o primeiro pároco tomou originalmente, a fachada da igreja possuía estilo barroco. Com as sucessivas reformas, hoje a igreja exibe estilo neo-clássico. Na década de 1970, as paredes e os pisos de madeira, atacados por cupins, foram substituídos por concreto, ferro e azulejos.

A Igreja Matriz fica na Alameda Pio XII, 86 no Centro de São Gonçalo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *