Os três porquinhos no palco do Teatro da UFF

O espetáculo infantil “Os três porquinhos”, dirigido por Aníbal Erthal, faz curta temporada no Teatro da UFF, em julho, de 6 a 21 sempre aos sábados e domingos às 16h. O conto popular que dá nome à peça tornou-se conhecido graças à versão recolhida na Inglaterra pelo folclorista Joseph Jacobs (1854-1916) e publicada na obra Contos de fadas ingleses.

Esta primeira versão serviu de base para todas as versões posteriores, mundo afora. No Brasil, há vários anos, a CIA Erthal de Teatro vem produzindo para crianças, jovens e adultos o universo lúdico do teatro infantil. E, dentro desse universo, também adaptou o conto Os três porquinhos. Nessa adaptação, o espetáculo conta a história dos três irmãos suínos, Prático, Cícero e Heitor, que tentam se defender dos ataques do Lobo Mau.

Prático, o irmão mais velho e o mais responsável, preocupado com o futuro, propõe aos irmãos construírem uma casa bem resistente, com pedras, tijolos e barro, mas Cícero e Heitor não estão nem aí para o irmão e só querem saber de brincar. Estudar e trabalhar, nem pensar! Acham melhor
fazer uma casa mais simples e menos trabalhosa.

Heitor sugere uma casa de palha, Cícero uma casa de madeira e cipó. Prático, cansado de pensar e agir pelos irmãos, resolve dar um basta em tudo e decide que cada um construa sua própria casa, onde e do jeito que quiser.

A preguiça de Cícero e Heitor coloca em risco suas vidas, pois com um sopro o Lobo Mau bota abaixo as casas dos dois porquinhos, que fogem desesperadamente para a casa do irmão mais velho, pedindo socorro. Lá, a casa de tijolo, pedra e barro, é forte e resistente. O lobo fica roxo de tanto soprar, mas não consegue derrubar a casa. Prático, como sempre solidário e esperto, prepara uma armadilha para espantar o terrível Lobo Mau para bem longe e assim poder viver em paz.

Com muita comédia, o espetáculo vai se desenrolando ao longo de cinquenta minutos, dando atenção ao meio ambiente, aos bons modos sociais e à importância da coletividade com uma linguagem contemporânea onde todos se divertem até o final.

Os ingressos custam R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia-entrada). O Teatro da UFF fica na Rua Miguel de Frias, 9 em Icaraí.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 − três =