Operação termina com bloqueio da RJ-104

Marcelo Macedo Soares –

Um ônibus da Viação Icaraí foi incendiado na noite desta terça-feira (15) na RJ-104, altura da passarela de Tribobó, em São Gonçalo. A ação teria sido uma retaliação a uma operação do 7º BPM (São Gonçalo) na comunidade conhecida como Manguerinha, onde dois homens foram mortos no confronto com os policiais. Os moradores, revoltados, teriam então colocado fogo no coletivo. Agentes do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRV) chegaram a interditar a via.

Segundo a Polícia Militar, com os supostos traficantes que morreram durante o tiroteio foram encontrados um revólver, uma pistola, drogas e um rádio transmissor. Pelas redes sociais, moradores e motoristas que passavam pelo local postaram fotos e vídeos do ônibus pegando fogo. Ainda de acordo com a PM, ninguém foi ferido pelas chamas.

Uma escola particular que fica na localidade foi fechada durante o confronto para preservar a segurança das crianças. Também pela internet, um comunicado atribuído à instituição informou que um rapaz chegou a pular no colégio, mas não ameaçou alunos ou funcionários. No entanto, confirmou que as atividades foram suspensas a mando dos traficantes.

“Na operação do 7° Batalhão, um rapaz pulou na escola, mas não fez nenhuma criança ou funcionário de refém, só usou a escola como rota de fuga. Ele também não apontou arma e não estava ferido. Estou pedindo isso pois estão espalhado pelos grupos que ele fez reféns e estava ferido sangrando dentro da escola. Fechamos a escola justamente a pedido do ‘movimento’ para preservar as crianças. Graças a Deus aqui na escola só levamos o susto mesmo”, diz o comunicado.
A identidade dos mortos na operação não foram divulgadas pela PM.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três + 17 =