Operação no Salgueiro termina com dois mortos e um fuzil apreendido

Uma operação no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo entre a noite de domingo (09) e madrugada desta segunda-feira (10) terminou com dois mortos e um fuzil AK 47 apreendido. Os dois baleados chegaram a ser socorridos, mas não resistiram e morreram no Hospital Estadual Alberto Torres (Heat), no Colubandê.

De acordo com o comando do 7º BPM (São Gonçalo), agentes realizavam um patrulhamento no bairro de Itaúna, que faz parte do Complexo do Salgueiro, quando criminosos fortemente armados atacaram os policiais. Por se tratar de uma região de grande hostilidade, a PM utilizava um veículo blindado. Houve confronto.

Após a troca de tiros os policiais encontraram os dois homens – os nomes não foram divulgados até o fechamento desta edição – feridos. Eles foram socorridos, mas de acordo com a unidade médica estadual, eles não resistiram aos ferimentos.

Além do fuzil, também foi apreendido com a dupla um rádio transmissor, usado muitas vezes por criminosos para se comunicar dentro de comunidades.

Niterói – Durante abordagem a um carro, na noite de domingo, policiais militares conseguiram apreender 190 munições de fuzil (calibre 556) dentro do veículo no Morro do Castro, na divisa entre Niterói e São Gonçalo.

De acordo com informações do 12º BPM (Niterói) agentes realizavam um patrulhamento pela Estrada Velha do bairro Baldeador, quando desconfiaram do veículo. Ao mandar parar, o motorista fugiu dos policiais, dando início a uma perseguição.

Os PMs conseguiram abordar e prender o condutor, um homem de 22 anos. No carro estavam as munições para armamento de guerra. Questionado, o rapaz contou que o material pertencia a traficantes do Morro do Castro. Ele foi preso em flagrante. O veículo encontrava-se em situação regular e foi entregue a familiares do motorista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 5 =