Operação na Região Oceânica para coibir fiação irregular

A Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (Seconser) e a concessionária de energia Enel estão realizando uma operação conjunta para coibir a fiação irregular na Região Oceânica. Até o momento, a ação que teve início no dia 22 de fevereiro e segue até 15 de abril, já retirou, em apenas três semanas, cerca de duas toneladas de material clandestino.

De acordo com a secretária municipal de Conservação e Serviços Públicos, Dayse Monassa, a Prefeitura e a Enel estão realizando a regularização das instalações de telecomunicações e dados fixadas nos postes da cidade. Para isso, é feita a retirada de todos os fios e cabeamentos que não possuem identificação de propriedade.

“O objetivo dessa ação conjunta é reduzir a quantidade de fios desativados, racionalizar o espaço aéreo do município e melhorar a prestação do serviço e o panorama urbano da cidade”, explica a secretária.

Conforme determina a Lei Municipal nº 3082/2014, a Fiscalização de Sistema Viário de Niterói está atenta para que a execução do trabalho esteja dentro dos padrões de rigor necessários. Para garantir o sucesso da operação, na hipótese de serem constatadas ilegalidades durante a execução dos serviços, a Fiscalização está tomando as medidas cabíveis, podendo ser desde uma notificação até aplicação de multas e apreensão de materiais e equipamentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 + 7 =