Operação mira ladrões de carga na BR-101 e traficantes em SG

Comunidades de São Gonçalo são alvo de operação da Polícia Civil, na manhã de hoje, para prender acusados de roubos de carga na Rodovia BR-101. Batizada com o “Estrada Segura”, a ação conta com apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Guarda Municipal de São Gonçalo.

De acordo com a 74ª DP (Alcântara), que coordena a ação, quatro suspeitos foram presos até o momento e duas motos roubadas recuperadas. Ao todo, os agentes buscam cumprir 25 mandados de prisão em três comunidades, cinco foram cumpridos e quatro presos em flagrantes. As comunidades são Brejal, Apollo e Viúva.

O delegado Lauro Rangel falou que foram apreendidas muitas drogas, armas, simulacros e anotações de tráfico de drogas. “Na nossa circunscrição são comunidades que margeiam a RJ 104 e a BR 101. Essas comunidades, por terem acesso a essas rodovias, os marginais utilizam desse expediente para roubar carga e motoristas que estão viajando e retornam para o interior das comunidades. Além da venda de drogas eles usam os roubos para aumentar as receitas do tráfico e se fortalecer. Essa é a segunda ação desse tipo que estamos fazendo para combater essa prática. Os criminosos costumam utilizar as vias que não são oficiais e clandestinas, que a comunidade faz, para acessar a rodovia. Os roubos de carga eles conseguem se desfazer da carga dentro da própria comunidade”, frisou.

Ainda de acordo com a distrital, os alvos da ação tem envolvimento com o tráfico de drogas e assaltos com privação de liberdade. Drogas e armas também foram apreendidas durante a operação de hoje.

A operação também tem como objetivo apreender veículos irregulares que são usados nos deslocamentos dos acusados, reprimir a atuação de mototaxistas associados ao tráfico de drogas e retirar barricadas que, segundo a polícia, impedem o direito de ir e vir dos moradores da região.

Em atualização.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte + quatro =