Operação em SG termina com um suspeito morto

Augusto Aguiar –

Por determinação do 4º Comando de Policiamento de Área (CPA), policiais militares do 7º BPM (São Gonçalo), com apoio do Serviço de Inteligência (P-2) da unidade e do 12º BPM (Niterói), realizaram uma operação, na manhã de ontem, na comunidade da Alma, no bairro Amendoeira, em São Gonçalo. O objetivo foi reprimir e prender criminosos ligados à facção Terceiro Comando Puro (TCP). O saldo foi de um morto, além da apreensão de fuzil, pistola, carregadores, drogas e até uma farda das Forças Armadas. Além da venda de drogas na região, os criminosos ainda praticariam vários outros crimes, como roubos a transeuntes e de veículos. Até o início da tarde, o saldo da operação havia sido considerado positivo pela PM, que conseguiu retirar um fuzil e munições das mãos dos traficantes.

A operação contou ainda com um veículo blindado e um helicóptero do Grupamento Aeromóvel (GAM), que deram apoio terrestre e aéreo às equipes policiais. Durante um dos confrontos registrados, na Rua Vitor Hugo, localidade conhecida como “590”, traficantes que efetuaram disparos contra a guarnição levaram a pior e um dos acusados foi baleado e morreu no local. Com ele foi apreendido o fuzil calibre 5.56. Na mesma ação também foram apreendidas pistola e drogas, e a polícia destruiu acampamentos usados pelo tráfico em área de mata. Agentes civis e militares vinham apurando denúncias sobre a presença de criminosos oriundos de comunidades aliadas do TCP, na Zona Norte do Rio, na localidade gonçalense.

No dia 20 de agosto, por exemplo, seis criminosos (de um grupo de nove) morreram em confronto com policiais militares ao serem cercados e trocarem tiros com os agentes num dos acessos à Ponte Rio-Niterói quando retornavam de um baile funk. Na ocasião os criminosos fortemente armados, oriundos do Complexo da Maré, na Zona Norte, onde o tráfico também é ligado ao TCP, retornavam para a localidade quando tentaram furar a tiros o cerco policial montado na Ponte. Na ocasião foram apreendidos quatro fuzis – sendo um modelo AK-47, de fabricação russa e outro equipado com mira telescópica – além de pistolas e quatro granadas. Dois veículos roubados (um deles com placa clonada) foram recuperados. Uma passageira de um coletivo e um policial ficaram feridos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 1 =