Operação contra o transporte pirata em Niterói

Com o objetivo de gerar mais segurança para os passageiros, a Subsecretaria Municipal de Transportes de Niterói intensificou a fiscalização de vans, carros por aplicativo, táxis e ônibus de turismo que circulam pela cidade. O objetivo é melhorar a mobilidade urbana e coibir irregularidades. A operação é realizada semanalmente, em diversos bairros, e conta com seis fiscais, quatro apoiadores, reboque e apoio da Polícia Militar.

No último domingo (26), a fiscalização foi na Avenida Central, em Itaipu. O local foi estrategicamente escolhido por ser rota para as praias, principalmente nos finais de semana de sol.

“Nessa operação tivemos duas vans que foram rebocadas, pois faziam transporte irregular. Também vistoriamos carros por aplicativo, táxis e ônibus de turismo. Inclusive, dois desses ônibus foram notificados”, informou o subsecretário municipal de Transportes, Murilo Moreira.

A operação seguirá por todo 2020. Só em janeiro, já foram duas. A primeira, em São Domingos, teve aproximadamente 20 carros parados e três rebocados, além de um motorista apreendido e encaminhado à delegacia por portar documento irregular.

“Orientamos os taxistas que procurem o órgão regulador e mantenham suas permissões em dia; que os motoristas de aplicativos cumpram os regulamentos como bom estado do veículo, documentação e tempo limite do veículo para essa atividade; e que os responsáveis pelo transporte escolar se mantenham dentro das normas definidas”, recomenda Murilo.

Ação especial – Na semana passada, uma ação especial, em parceria com a Coordenadoria Municipal de Acessibilidade, fiscalizou a acessibilidade nos ônibus das linhas regulares. Um dos veículos vistoriados estava com cinto de segurança com defeito e precisou ser recolhido para a garagem, para providenciar o reparo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove − 17 =