Ônibus podem parar por falta de combustível

As empresas de ônibus podem parar por falta de combustível a partir desta quarta-feira (23), por conta da paralisação nacional dos camionheiros. Uma nota divulgada pela Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Rio (Fetranspor) divulgou uma nota oficial alertando para o risco. Segundo o texto, o funcionamento já estaria limitado, já que o bloqueio montado em alguns pontos estratégicos estaria impedindo a renovação do estoque de óleo diesel.

De acordo com a Fetranspor, muitas empresas já estão racionando o estoque de combustível, que na maioria das vezes é renovado diariamente. Por conta dos boloqueios montados em rodovias e terminais de distribuição impede a reposição. Segundo a Federação, passageiros já estão sofrendo com a limitação das operações, já que o racionamento foi a medida escolhida emergencialmente até o fim das manifestações. Se isso não ocorrer a curto prazo, há o risco de paralisação de todas as empresas.

A crescente oscilação do preço do óleo diesel é um fator que preocupa, também, o setor de transporte público. Nos últimos 15 meses, a variação do combustível chegou próximo a 20%, o que vem pressionando os custos operacionais do setor de ônibus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 5 =