Obras avançam para revitalização de Pista Pump Track do Parque da Cidade


Em uma parceria com o grupo Niterói Bikers, a Prefeitura está dando suporte com maquinário para a ampliação e revitalização da pista Pump Track no Parque Natural Municipal de Niterói (Parnit). A Pump Track é um tipo de pista que consiste em percurso com “lombadas” ou “rollers”, que possibilitam a aceleração da bicicleta sem o uso dos pedais e dando também ao praticante da modalidade a possibilidade de realizar saltos. A previsão é que a pista seja aberta no início de novembro.

O responsável pela Coordenadoria Niterói de Bicicleta, Filipe Simões, esteve no ParNit, na quinta-feira (26), visitando as obras da pista acompanhado do fundador do Niterói Bikers, Bruno Padilha, que está coordenando o trabalho no local, que conta com a participação de voluntários dos esportes de ciclismo como bicicross, mountain bike e downhill.

“O trabalho em andamento na pista Pump Track é um formidável exemplo de mobilização da sociedade visando a um bem comum, movido pela paixão pela modalidade. A Prefeitura de Niterói reconhece e apoia este projeto que vem para somar ao múltiplo e diverso cenário da bike na cidade”, ressalta Filipe Simões.

Bruno Padilha lembra que a pista Pump Track já existe há cerca de 10 anos no Parque da Cidade e que foi feita de forma manual e voluntária por atletas. Ele conta que este projeto de revitalização e ampliação foi entregue à Prefeitura há cerca de um ano e meio e, por conta da pandemia, os trabalhos foram iniciados em julho deste ano.

“Foi a primeira vez que foi entregue um projeto nosso ao poder público, formalizado, e junto a gestão do parque tivemos este suporte para o trabalho. Foi enviada pela Seconser a retroescavadeira que auxilia o trabalho para os deslocamentos maiores de terra. A mão de obra é voluntária e manual, com os integrantes do movimento Niterói Bikers, que é um coletivo de atletas que andam no Parque. A gente trata das trilhas de bike, não só dessa pista que estamos fazemos, que também terá a parte de paisagismo, do manejo da trilha de mountain bike, da construção de obstáculos e trabalhamos a questão ambiental com plantio de mudas ao redor das trilhas de mountain bike, ajudando na preservação e manutenção desses espaços”, enfatiza.

O Parque da Cidade é considerado por muitos atletas como um polo de mountain bike do Estado. E Niterói tem muitos adeptos do esporte que já competem, inclusive, internacionalmente. Nos últimos anos, a cidade também tem recebido atletas de outros estados que vêm experimentar as trilhas.

“Desde 2017, Niterói já é um exemplo para o mountain bike nacional. A melhoria e manutenção das pistas contribuiu para atrair cada vez mais atletas e turistas para a cidade. O esporte vem crescendo bastante e, por isso, a vontade de fazer uma pista com níveis internacionais com regras de utilização, sem dúvidas, é um grande incentivo para o mountain bike”, afirma Bruno Padilha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − 2 =