Novo decreto deve estabelecer medidas restritivas mais rígidas

A prefeitura de Niterói publicará neste sábado (20) um novo decreto contendo novas restrições para conter o avanço do Coronavírus na cidade de Niterói. As novas medidas substituirão o decreto em vigor desde o último dia 5 de março e que possui validade até o próximo domingo (21). Assim, as novas normas devem entrar em vigor apenas no início da próxima semana.

O anúncio foi feito durante uma live nas redes sociais da prefeitura na noite de hoje (18), na qual ainda foi divulgado a atualização do cronograma de imunização. Segundo o calendário informado, amanhã (sexta-feira, 19) a prefeitura de Niterói continuará com a vacinação dos idosos com idade a partir dos 75 anos. Segunda-feira (22) e terça-feira (23) será imunizada a população a partir dos 74 anos. Já na quarta-feira (24) e na quinta-feira (25), idosos com a idade de 73 anos ou mais. Fechando a semana, na sexta-feira (26), será a vez dos idosos com idade a partir de 72 anos. A semana seguinte, de acordo com a previsão, deverá se iniciar também na faixa etária dos 72 anos.

No início da live o prefeito Axel Grael fez uma homenagem para o ex-vereador Renatinho. “Isso é um alerta para nós sobre o risco e a severidade da pandemia”, disse o prefeito que reafirmou que foi decretado luto de três dias na cidade.

Sobre o novo decreto, Grael afirmou que as medidas ainda não foram totalmente decididas. O esboço do que pode ser feito será apresentado aos impactados pelas alterações para que as decisões sejam tomadas a partir de um amplo diálogo. Mesmo sem adiantar quais serão as medidas que farão parte deste novo decreto, ficou claro pelas falas do prefeito e do secretário de Saúde que a inclinação é que seja restringida ainda mais a circulação de pessoas na cidade.

“Ao longo do dia de amanhã [hoje] vamos conversar com os diversos segmentos da sociedade e vamos tomar as medidas que são necessárias no próximo sábado. Essas novas medidas que serão adotadas ficarão válidas pelos próximos 15 dias em toda a cidade de Niterói”, afirmou.

O secretário municipal de Saúde, Rodrigo Oliveira, apontou o estado crítico o qual a pandemia alcançou no Brasil e seu reflexo no estado do Rio de Janeiro, assim como o possível impacto na cidade de Niterói. “A gente vai ganhar essa guerra com testagem, com medidas de proteção e de isolamento, com rastreamento e isolamento de infectados. Mas também a gente precisa contar com a cidadania de Niterói, que até agora não nos faltou, para que a gente consiga reduzir a contaminação e os números de casos. É preciso reduzir o número de pessoas que precisam de leitos. Nessa escalada se a gente não fizer nada vamos entrar em um cenário de colapso”, disse.

Para a economia da cidade não parar, Grael lembrou dos programas voltados para as empresas com o objetivo de garantir a sustentabilidade econômica e a manutenção dos empregos. Com isso, Marília Ortiz, secretária de Fazenda, apontou os passos para quem quiser seguir recebendo o benefício do Empresa Cidadã, que atende mais de 2,8 mil empresas mantendo mais de 12 mil postos de trabalho, que está prorrogado até julho.

“Para as empresas que quiserem continuar nesse programa, é importante que a partir de segunda-feira, dia 22, e até o dia 26 [sexta-feira], elas entrem no site do Empresa Cidadã e façam a confirmação de adesão ao programa, renovando a adesão e se comprometendo a manter os postos de trabalho. Assim como cumprir as medidas sanitárias e de isolamento social”, declarou.

Por Marcelo Almeida

One thought on “Novo decreto deve estabelecer medidas restritivas mais rígidas

  • 19 de março de 2021 em 08:16
    Permalink

    Será que dessa vez limita passageiros nos ônibus ou vai continuar permitida aglomeração ?

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 4 =