Niterói vai distribuir 500 mil novas máscaras

Em uma live na noite desta quinta-feira (19), o prefeito Rodrigo Neves anunciou que a cidade de Niterói vai retomar a distribuição de máscaras em todas as regiões. Serão 500 mil unidades entregues pelas Administrações Regionais, entre novembro e dezembro. Outro serviço que será retomado é a sanitização das vias, realizada pela Companhia de Limpeza de Niterói (Clin).

Rodrigo Neves informou que será adotado um novo ciclo de diálogo com as entidades comerciais de Niterói e representantes das secretarias municipais de Fazenda e Desenvolvimento Econômico. Tudo por causa de uma oscilação no indicador síntese de monitoramento da Covid-19 registrada nos últimos dias, que chegou, nesta quinta-feira, a 7.38, e também, por conta da taxa de ocupação de leitos hospitalares que está em 37%.

“Niterói segue com um cenário de controle da pandemia e longe de uma segunda onda. Mas é importante ressaltar que a nossa cidade não é uma ilha no contexto da Região Metropolitana do Rio de Janeiro. O município vizinho de São Gonçalo decretou hoje medidas mais duras de restrição porque chegou a 100% de ocupação dos leitos da rede pública e privada. Então é fundamental que a população de Niterói siga atenta e fazendo a sua parte, respeitando os protocolos de higiene e distanciamento social”, afirmou Rodrigo Neves.

O prefeito reforçou que em caso de sintomas leves de Covid-19, como tosse, febre, perda de olfato e paladar, os moradores de Niterói podem procurar atendimento na unidade da rede básica de saúde para realizar o teste a partir do oitavo dia de sintoma, como orientado pelas autoridades de Saúde.

Através do aplicativo ‘Dados do Bem’, quem é morador de Niterói pode preencher o questionário de auto-atendimento e realizar o teste no posto drive-thru na Avenida Dr. Raul de Oliveira Rodrigues, na saída do Túnel Charitas-Cafubá, no Cafubá, na Região Oceânica. Quem atender aos critérios do protocolo de testagem receberá um convite para realizar o exame, com data e hora marcados.

Em caso de sintomas graves, como falta de ar, a cidade conta com atendimento 24 horas no Hospital Municipal Carlos Tortelly, no Centro, Unidade de Urgência Mário Monteiro, em Piratininga, e os serviços de pronto atendimento das Policlínicas do Largo da Batalha e da Engenhoca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 + 6 =