Niterói tem 45,9% do território sob proteção legal

A Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) divulgou um relatório no qual ressalta Niterói como um dos municípios do Rio com maior proporção de área verde. O documento foi divulgado para celebrar o Dia Internacional das Florestas e da Árvore, comemorado no último dia 21, e ambientalistas da cidade aplaudiram o resultado, mas frisaram a importância de cada morador fazer a sua parte.

Segundo a Agência das Nações Unidas, em 2014 a cidade criou 2.657 hectares de áreas protegidas. Zonas públicas de vegetação já ocupam 7.495 hectares. Atualmente, 45,9% do território municipal está sob proteção legal. A FAO estimou que em média, para cada niteroiense, existem 123,2 metros quadrados de florestas (a cidade tem cerca de 500 mil habitantes). Trata-se provavelmente da maior proporção de zonas protegidas per capita em todas as regiões metropolitanas do Brasil.

O ambientalista Alex Figueiredo, de 43 anos, explicou que Niterói é um dos municípios do Rio que tem maior cobertura de área verde. “Tem muitas áreas ambientais de conservação e estamos trabalhando com melhoria da qualidade ambiental, com reflorestamento, por exemplo. Além disso, é preciso uma arborização urbana nova, com replantio, além de cuidar da já existente. É um trabalho lento e precisamos da colaboração dos moradores, até mesmo irrigando as árvores que estão em frente da própria casa”, pontuou.

Arborizar uma cidade ajuda na qualidade do ar, além de, por exemplo, deixar o clima mais fresco. Estudos apontam que quando árvores são plantadas em volta de edifícios, isso pode reduzir em até 30% o consumo do ar-condicionado. A Agência das Nações Unidas lembrou que os esforços para ampliar e preservar a cobertura vegetal em Niterói aumentaram com a adoção do plano Niterói que Queremos, uma estratégia de desenvolvimento adotada em 2014 e com metas a serem cumpridas até 2033. Um dos objetivos era a criação de parques e outras áreas protegidas em 50% da área da cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × quatro =