Niterói é a não capital mais desejada do país, diz pesquisa

Niterói, já conhecida pela sua alta qualidade de vida – ressaltada pela 7ª posição do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do país e a primeira do estado do Rio, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – é a cidade fora da capital mais desejada do Brasil. Conforme pesquisa feita pelo Grupo ZAP, de imóveis.

O dado é de 2018. Depois de Niterói vem, na lista do ZAP, Campinas, Santos, Ribeirão Preto e São José dos Campos, todas no interior de São Paulo. Segundo o Grupo, a boa posição de Niterói é fruto de migração de pessoas do interior cidades que ficam na região metropolitana, além de investimentos em áreas como educação, saúde, empreendedorismo e saneamento básico nos últimos anos.

A Cidade Sorriso lidera o ranking desde 2015. Segundo pesquisa divulgada no mês passado pela Spin Inovações Imobiliárias, em 2016, o município se destacou devido ao maior investimento por habitante entre os maiores do país, sendo R$ 776,69 em infraestrutura e serviços públicos, contra R$ 642,52 no Rio de Janeiro, por exemplo.

Segundo o aplicativo Colab, com o qual a Prefeitura de Niterói tem uma parceria, no qual o aplicativo recebe demandas alertando sobre problemas em vias públcias, vandalismo em patrimônio público, entre outros, no município foram feitos investimentos em mobilidade urbana e a cidade possui 35 quilômetros de malha cicloviária distribuídas em várias regiões da cidade, como o Centro, Zona Sul e Região Oceânica. A meta é que até 2020 a cidade conte com 60 quilômetros de ciclovias, ciclofaixas e ciclorotas.

Foi feito ainda investimento em segurança, sendo R$ 70,502 milhões no ano passado, contra R$ 18,107 milhões em 2014.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *