Niterói apresenta queda no indicador síntese e mais da metade da população elegível vacinada

O prefeito de Niterói Axel Grael informou que o indicador síntese da cidade, que estava em 9,65, colocando Niterói no nível de alerta máximo, caiu para 7,88. O que significa menos casos, menos óbitos e uma menor taxa de ocupação nos Centros de Terapia Intensiva dos hospitais públicos da cidade. Além disso, Niterói anunciou que 60% da população acima de 18 anos já foi vacinada com a primeira dose do imunizante contra a Covid-19.

“Não significa que a pandemia passou. Até porque o indicador em nível nacional aumentou. Precisamos continuar nos protegendo com os cuidados sanitários para proteger a cidade”, disse Axel.

O secretário municipal de saúde, Rodrigo Oliveira, falou sobre a situação da cidade com esse novo indicador síntese. “Agimos certo na hora certa para que os índices na cidade caíssem, e a gente conseguisse controlar a pandemia”, disse.

Rodrigo explicou que a cidade não teve superlotação e nem colapso no sistema de saúde devido as rápidas medidas implantadas para conter o avanço do vírus.

“Nós conseguimos sair do nível laranja há um tempo, mas tínhamos estabilizado em um patamar alto, com número elevado de casos novos e óbitos, mas principalmente a taxa de ocupação alta, em torno de 80% no CTI dos hospitais públicos. Hoje, depois que rodamos o indicador síntese, tivemos o resultado de 7,88. Tivemos uma reducação no número de casos e óbitos, mas principalmente uma redução importante da taxa de ocupação que foi de 80% para 53%”.

Processo de vacinação no município

Sobre a vacinação na cidade, o secretário disse que a equipe de saúde está sentindo muita felicidade por conseguir acelerar o processo de imunização no município, atingindo 60% da população acima de 18 anos.

“Vacina boa é a que está no posto. Todas que a cidade está oferendo são eficazes e seguras. Nós conseguimos ultrapassar a marca 60% da população adulta vacinadas com a primeira dose. Isso é uma conquista muito importante”.

Rodrigo pede que todos tenham atenção a data marcada para que a pessoa retorne ao posto e tome a segunda dose.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × dois =