Namoro vira caso de polícia em Itaboraí

O namoro entre uma mulher acima dos 40 anos com um jovem de 19 anos, terminou virando caso de polícia em Itaboraí. Diferente dos contextos de ocorrências comuns entre casais, desta vez não foi por conta de nenhuma violência praticada por qualquer um dos dois entre si e sim por conta de uma interferência do irmão da mulher, José Carlos Foly Júnior, de 31 anos, que não aceitava o relacionamento da irmã com o rapaz. José Carlos terminou preso por policiais da 71ª DP (Itaboraí) na última sexta-feira (25) em cumprimento de um mandado de prisão expedido pela 1ª Vara Criminal de Itaboraí após tentar matar o cunhado. A vítima foi internada no Hospital Municipal Desembargador Leal Júnior (HMDLJ), em Nancilândia. O acusado foi localizado no bairro de Joconé, na cidade de Saquarema.

José Carlos, de acordo com a Polícia Civil, chegou a ter um comparsa na tentativa de homicídio ocorrida na noite do último dia 13, no bairro de Cabuçu, em Itaboraí. A desavença familiar era tão grande, ainda de acordo com os agentes, que a família chegou a cortar relações com a mulher por conta da diferença de idade entre os namorados. O acusado, que é motorista de aplicativo, usou o carro do pai para transportar o comparsa até o local do crime, dos tiros efetuados contra o jovem, um deles o atingiu no rosto.

A Polícia Civil, agora, busca informações sobre o comparsa e possíveis demais envolvidos no crime.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez − 8 =