Mundial de bodyboarding promete fortes emoções em Itacoatiara

Pelo sétimo ano consecutivo Niterói será a casa brasileira do Circuito Mundial de Bodyboarding. Com previsão de mais 200 atletas de diversos países o Itacoatiara Pro 2018 tem início programado para esse sábado (16) e ao que tudo indica as competições podem ter início já no primeiro dia da janela de espera, com check in marcado para às 6h30. Com onze dias de período, o mundial precisa de apenas quatro dias para ser completo, o que dá a organização a possibilidade de promover as disputas nas melhores condições do mar, e a expectativa é de que as primeiras baterias aconteçam nesse sábado.

E mesmo antes de começar o Itacoatiara Pro já está marcando história. Pela primeira vez desde que foi idealizado o evento será disputado em dois momentos, com as etapas do Mundial e do Circuito Brasileiro, que ocorre entre os dias 28 de junho e 01º de julho. No total, são esperados mais de 200 competidores.

“Mais uma vez o Itacoatiara Pro faz história. Esperamos mais de duas centenas de competidores de diversos países e estados do Brasil em duas semanas de muito esporte, turismo e lazer. Com certeza será a maior edição do evento”, ressalta José Guilherme Azevedo, Presidente da Neltur.

No total serão distribuídos R$135.000,00 em premiação ao longo dos eventos, além de pontos importantes nos rankings Mundial e Brasileiro Válido como etapa Grand Slam Series do APB World Championship, o Itacoatiara Pro faz parte de um seleto grupo de eventos premium com pontuação maior e formato diferenciando.

Inaugurado em Arica, no Chile, o novo formato do Circuito Mundial será utilizado no Itacoatiara Pro. As triagens continuam com a mesma fórmula, abertas para todos os atletas e com baterias de quatro competidores, e na etapa brasileira garantem seis vagas para o evento principal. Os seis classificados farão companhia aos tops, pré-classificados, e a mais três convidados, compondo um grupo de trinta e dois atletas no evento principal.
Os 32 atletas são divididos em oito baterias com quatro competidores cada, sendo que todos caem três vezes na água, em baterias alternadas. A soma das três melhores ondas de cada atleta, independente da bateria, serão válidas para classificar os 16 melhores para o Round 4. A partir da quarta fase os atletas se enfrentam em baterias no formato homem a homem até a definição da final que apontará o campeão do evento.

Itacoatiara Pro Serie Brasil:

Ao término da janela de espera do Circuito Mundial as emoções voltam-se para as disputas da segunda etapa do Circuito Brasileiro de Bodyboarding para quatro dias de muitas emoções. Com previsão de recorde de inscritos o Itacoatiara Pro Serie Brasil dá sequencia ao circuito nacional que teve início em abril, em Balneário Camboríu (SC).

“Estamos bem animados com a presença de tantos atletas de alto nível em Itacoatiara. Com certeza serão dias especiais para o esporte em Niterói. O Itacoatiara Pro é uma das maiores competições esportivas da nossa região e é um privilégio poder acompanhar de perto tantos ídolos do esporte. Com certeza será um belo espetáculo”, avalia o secretário municipal de Esportes, Luiz Carlos Gallo.

Brasileiros em busca do primeiro título:

Desde que foi realizado pela primeira vez, o Itacoatiara Pro jamais viu um brasileiro vencer a competição. Entre os brasileiros escalados para tentar quebrar tabu estão Uri Valadão (BA), Eder Luciano (SC), Roberto Bruno (CE) e o local Dudu Pedra (RJ), membros dos tops-24; e João Zik (RJ) e Sócrates Santana (RJ), convidados do evento. Além disso, o país pode contar com mais atletas no evento principal já que a triagem indicará mais seis atletas para a fase mais importante da competição.
Entre os estrangeiros, destaque para os que já venceram em Itacoatiara. Amaury Laverrne (Ilhas Reunião), campeão em 2013 e 2015, Jared Houston (África do Sul), vencedor da etapa em 2014, Alex Uranga (País Basco), detentor do caneco de 2016, e Diego Cabrera (Ilhas Canárias), atual campeão são alguns dos favoritos. Além deles, a lista de “gringos” é composta ainda pelo atual campeão mundial Iain Campbell (África do Sul) e pelo líder do ranking mundial, Tanner McDaneil (Havaí), que mostrou toda sua versatilidade no último final de semana ao vencer a etapa de Arica com uma bateria perfeita de 20 pontos na decisão contra o francês Pierre Louis Costes.

Itacoatiara Pro – Galeria de campeões

2012 – Dave Winchester (Austrália)
2013 – Amaury Laverhne (Ilhas Reunião)
2014 – Jared Houston (África do Sul)
2015 – Amaury Laverhne (Ilhas Reunião)
2016 – Alex Uranga (País Basco)
2017 – Diego Cabrera (Ilhas Canárias)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × 4 =