Mulher de prefeito de São Gonçalo é transferida de Niterói para hospital do Rio

Depois de ser sido testada positivo para Covid-19, a primeira-dama de São Gonçalo, Eliane Gabriel, esposa do prefeito José Luiz Nanci, foi transferida, na última terça-feira (28), do Hospital Niterói D’or, em Santa Rosa, onde havia sido internada inicialmente, para o Hospital Samaritano, em Botafogo, na Zona Sul do Rio.

Eliane Gabriel havia sido internada, no domingo passado (26) e a prefeitura informou por meio de nota na ocasião que o prefeito José Luiz Nanci, que havia dado entrada numa unidade de São Gonçalo para realizar exames por ter tido contato com um paciente confirmado com o vírus, foi orientado a ficar em casa aguardando resultados de testes.

Porém, Eliane foi testada positivo para Covid-19 e internada. Num primeiro momento seu quadro de saúde foi considerado estável, e na última terça-feira (28) foi transferida para o Hospital Samaritano, em Botafogo.

9 thoughts on “Mulher de prefeito de São Gonçalo é transferida de Niterói para hospital do Rio

  • 2 de maio de 2020 em 14:18
    Permalink

    Gozado como vi na tv… As pessoas que se dizem “elite de COPACABANA”… Ficam indo a praia e se negam a sair e reclamam do policial que pede pra ir embora e da imprensa que mostra (a Globolixo não divulga) Deveriam então assinar um termo em que se alguém de sua família ou ele mesmo abrirem mão de qualquer vaga em leitos para tratamento do CORONA VIRUS… Hipócritas e egoístas.. Casa de ferreiro espeto de pau…????????

    Resposta
  • 2 de maio de 2020 em 17:51
    Permalink

    Porque não envia para um hospital de São Gonçalo? Esposa do prefeito da cidade e envia para o Rio? Nem ele confia nos médicos daqui

    Resposta
  • 3 de maio de 2020 em 09:53
    Permalink

    Tinha que se tratar no Geral ou em UPA de SG. Deveria existir uma lei que Políticos só deveriam ser cuidados, tratados em hospitais públicos para vê o que é bom…. Eles rapidinho iriam cuidar direitinho dos hospitais, porque poderão sofrer na própria pele o descaso da saúde. Vê como a população sofre. Mas que a mesma se recupere e olhe para as pessoas que precisam de um atendimento, tratamento, cuidados de qualidade da mesma forma que está tendo.

    Resposta
  • 3 de maio de 2020 em 09:58
    Permalink

    Tinha que se tratar no Geral ou em UPA de SG. Deveria existir uma lei que Políticos só deveriam ser cuidados, tratados em hospitais públicos para vê o que é bom…. Eles rapidinho iriam cuidar direitinho dos hospitais, porque poderão sofrer na própria pele o descaso da saúde. Vê como a população sofre. Mas que a mesma se recupere e olhe para as pessoas que precisam de um atendimento, tratamento, cuidados de qualidade da mesma forma que está tendo.

    Resposta
  • 3 de maio de 2020 em 10:10
    Permalink

    Uma pena que enquanto muitos lutam pela vida, outros não querem saber, pois sou moradora de QUINTA DOM RICARDO, em Santa Isabel, e todos os domingos tem bola no Campo independente, assim como as igreijas, isso depois querem chorar os antes querido. Se ninguém teme enquanto há vida… Vão chorar após morte.

    Resposta
  • 3 de maio de 2020 em 10:11
    Permalink

    O prefeito deveria tê-la internada, num hospital público de São Gonçalo, os direitos e deveres, são iguais para todos!

    Resposta
  • 3 de maio de 2020 em 10:37
    Permalink

    Seria bom internar ele e ela nos hospitais públicos de são Gonçalo.
    Os profissionais na maioria deles são ótimos. Mais o despreparo de muitos são visíveis.

    Resposta
  • 19 de maio de 2020 em 04:05
    Permalink

    Ninguém merece morrer, a esposa do prefeito ficará boa e todos merecem viver! Sejam mais humanos! Mônica vargas

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 + 2 =