Motorista de aplicativo é encontrado carbonizado no próprio carro

Um motorista de aplicativo, identificado como Bruno Antunes, de 30 anos, que estava desaparecido desde o sábado (3) foi encontrado morto na tarde deste domingo (4). Ele saiu de casa depois de aceitar um pedido de corrida de um passageiro no bairro Marambaia. Uma sobrinha da vítima confirmou que o corpo dele foi encontrado carbonizado dentro do carro. A vítima era casada e deixa um filho de dois anos.

Bruno foi encontrado carbonizado dentro do próprio carro

O caso- De acordo com familiares no início da noite de sábado (3), Bruno aceitou a corrida de um passageiro no bairro Marambaia e saiu de Itaboraí, onde morava, por volta das 18h. Depois disso, ninguém mais conseguiu contato com ele.

Parentes e amigos, apreensivos e desconfiados que algo ruim pudesse ter acontecido, começaram a usar as redes sociais para pedir ajuda. Em poucos minutos receberam uma mensagem anônima informando que Bruno tinha sido sequestrado por criminosos de uma localidade conhecida como BNH, no bairro Sacramento.

Segundo testemunhas, o carro dele subiu o conjunto habitacional Minha Casa, Minha Vida e logo em seguida, na Rua Um, pediu informação em um salão de beleza. Nesse momento, o relato de quem presenciou a cena, foi que bandidos armados e em motos, chegaram procurando o carro e levaram o veículo com a vítima de volta para o condomínio.

Mesmo com o carro em movimento o motorista pulou e correu. Mas os criminosos efetuaram disparos e conseguiram atingir Bruno. Ele foi colocado no banco de trás do automóvel, que retornou para o condomínio. Em seguida, criminosos desceram com o carro, mas sem a vítima. Isso tudo foi relatado na mensagem anônima que a família recebeu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 3 =