Morre Paulo Peixoto, presidente do grupo espírita Gepar

O presidente do Grupo Espírita Paz, Amor e Renovação (Gepar), Paulo Peixoto, faleceu na noite de quinta-feira (17), em decorrência de complicações da Covid-19. Ele estava internado no Complexo Hospitalar Niterói (CHN).

Paulo Peixoto era pai do ex-deputado estadual Felipe Peixoto, que concorreu nas eleições para prefeito este ano. Em suas redes sociais, Felipe homenageou o pai.

“Foi um guerreiro, como em tudo nessa vida. Lutou até onde suas forças permitiram e como um bom guerreiro, aceitou que era a hora de parar. Sabe muito bem que não podemos desafiar o destino. Você foi um homem extraordinário e um pai maravilhoso! Uma vida inteira de dedicação e amor ao próximo”, disse.

Felipe ainda escreveu que seu pai “viverá para sempre na nossa memória e nos nossos corações”.

“Encontrarei conforto nas lembranças que construímos juntos. Meu melhor amigo. Minha fortaleza. Meu maior cabo eleitoral. Meu exemplo. Exemplo a ser seguido por todos! Como eu sempre disse, você já estava em outro plano de evolução. Um dia chegaremos lá. Descanse em paz, meu pai!”, escreveu.

Paulo desenvolvia diversos trabalhos sociais na cidade, como por exemplo a distribuição de cestas de Natal a famílias carentes, ação que está confirmada este ano. Além disso, através do Gepar, promovia atividades de auxílio a dezenas de famílias carentes, sobretudo na Região Oceânica.

Paulo Peixoto deixa a esposa Maria Cristina Peixoto, que está internada com Covid, e quatro filhos: Felipe, Luciene, Ana Carolina e Frederico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × cinco =