Morre aos 58 anos o cineasta Breno Silveira

O cineasta Breno Silveira, de 58 anos, diretor do clássico brasileiro “Dois Filhos de Francisco”, morreu na manhã deste sábado (14), fazendo o que mais amava: dirigir as cenas dos filmes. O diretor sofreu um infarto fulminante.

De acordo com as testemunhas que estavam no set de filmagem do longa “Dona Vitória”, estrelado pela atriz Fernanda Montenegro, o diretor começou a passar mal durante as gravações, sentindo taquicardia. Ele chegou a ser socorrido e levado para o hospital, mas, infelizmente, não resistiu. 

O caso aconteceu na cidade do Limoeiro, em Pernambuco, durante o primeiro dia de filmagem do longa-metragem. 

História do diretor – Breno estreou como diretor de fotografia em 1995, no longa-metragem Carlota Joaquina. Também dirigiu a fotografia de Eu Tu Eles, de Andrucha Waddington, trabalho que lhe valeu o prêmio de melhor fotografia no Grande Prêmio Cinema Brasil 2000. 

Na direção de um longa-metragem, Breno estreou somente em 2005, no filme Dois Filhos de Francisco, da história da infância até o sucesso nacional de Zezé di Camargo e Luciano. Na época, o filme ficou em primeiro lugar no ranking da retomada com mais de cinco milhões de espectadores, sendo considerado como o filme brasileiro mais visto no ano.

O cineasta nascido em Brasília se formou na Escola Louis Lumière de Paris. Já fez diversos trabalhos,  como “Gonzaga — de pai pra filho” e “Entre irmãs”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.