Moradores denunciam abandono da piscina do Caio Martins

Raquel Morais

Há cerca de um mês a piscina do Complexo Esportivo do Caio Martins, em Icaraí, não lembra nem de perto o que era nos áureos tempos do clube. A água está verde, sinal da falta de manutenção, e moradores do entorno do clube percebem um aumento na proliferação de mosquitos na região. O medo da população é da multiplicação do Aedes Aegypti, transmissor de doenças como dengue, chikungunya, zika e da febre mayaro.
O motivo da coloração seria um atraso no fornecimento do material utilizado para a manutenção, segundo nota da Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude. O órgão salientou que a previsão é que ainda esta semana a situação seja normalizada. Ainda de acordo com o informe, o Caio Martins encontra-se em recesso para as férias dos professores e em janeiro as atividades serão retomadas. No complexo esportivo há aulas de natação, hidroginástica e polo aquático.

Esse posicionamento do Estado não justifica essa situação para alguns niteroienses. A síndica de um prédio próximo ao clube, Célia Estupinham, de 65 anos, disse que em uma das reuniões de condomínio os moradores pensaram em se unir para denunciar a situação da água das duas piscinas do complexo. “Eu consigo claramente perceber que os mosquitos estão invadindo os apartamentos. É muito triste ver um clube desse porte completamente abandonado”, reforçou.

Um morador do bairro que preferiu não se identificar também comentou o caso. “Não entendo como podem fazer isso com duas piscinas com milhares de litros de água. Depois para limparem essa sujeira vão gastar o triplo com produtos que podem até agredir a pele”, apontou.

3 thoughts on “Moradores denunciam abandono da piscina do Caio Martins

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *