Montillo pede rescisão de contrato no Botafogo

Principal contratação do Botafogo para a temporada, o argentino Walter Montillo não é mais jogador do clube. O meia se reuniu com a diretoria alvinegra e pediu a rescisão do seu contrato. Os dirigentes não se opuseram e acertaram, de fora amigável, a saída do atleta de General Severiano.

Montillo sofreu sua quinta lesão na temporada na partida contra o Avaí, nesta segunda-feira, quando saiu de campo aos sete minutos do primeiro tempo. O jogador já vinha incomodado com a série de problemas físicos e chegou a oferecer os salários de volta pelo período em que esteve em recuperação. Na ocasião, o presidente Carlos Eduardo Pereira rechaçou o pedido e saiu em defesa do argentino.

Antes do jogo contra o Avaí, Montillo não era titular desde o início de abril, em confronto contra o Resende, ainda pelo Campeonato Carioca. Depois disso, sofreu nova lesão e ficou dois meses afastado dos gramados. No período, o jogador se mostrou irritado com as cobranças e ameaças sofrida em redes sociais.

Tanto Botafogo quanto Montillo não divulgaram os detalhes da rescisão, mas a tendência é a de que os alvinegros apenas parem de pagar o salário do jogador. O argentino pode fazer um pronunciamento oficial hoje e uma aposentadoria não está descartada.

Em seis meses, Montillo fez apenas um gol com a camisa alvinegra, em um amistoso na pré-temporada. O argentino chegou como a esperança do Botafogo em realizar boa campanha na Libertadores, mas pouco atuou pela equipe carioca.

Com a saída do atleta, o Botafogo abre espaço na folha salarial e pode ir em busca de reforços para o restante da temporada. Os dirigentes alvinegros seguem a procura de um atacante e podem mirar outro meia para melhorar o elenco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × três =