MEC destina R$ 15 milhões à UFF para despesas de custeio

Anderson Carvalho

O Ministério da Educação anunciou ontem a liberação de R$ 15.203.306 para a Universidade Federal Fluminense. A verba é para completar os recursos a serem utilizados para despesas de custeio da instituição para o exercício de 2016, segundo explicou o MEC. A quantia faz parte dos R$ 77,8 milhões de limite de empenho às instituições federais de ensino localizadas no estado do Rio de Janeiro. Com essa liberação, as universidades e institutos federais terão disponível, já a partir de agora, 100% do orçamento para as despesas de custeio, necessárias para a manutenção e regular continuidade da prestação dos serviços.

De acordo com o MEC, ao todo estão sendo liberados R$ 25,1 milhões a mais do que os valores empenhados em 2015 para custeio das universidades federais e a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica. A maior parte dos valores liberados, R$ 58,2 milhões, será repassada às universidades federais, cujo total de recursos para custeio atingirá R$ 588,5 milhões – valor superior aos R$ 568 milhões empenhados em 2015.

Já as instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica no estado receberão R$ 19,6 milhões, chegando a R$ 195,8 milhões de orçamento para custeio e, desta forma, superando o montante de R$ 193,1 milhões destinado para a mesma finalidade em 2015. No final do ano passado, o MEC tinha destinado R$ 1,426 bilhão para a UFF referente ao orçamento de 2016. Foram R$ 126 milhões a menos do que o previsto, que eram R$ 1,552 bilhão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 + oito =