Maricá espera avanços e debate Plano Diretor

Maricá espera avanços e debate Plano Diretor

Uma das cidades com indicadores de evolução populacional acelerados, Maricá vai elaborar novo Plano Diretor para se adaptar ao deenvolvimento previsto para os próximos anos, evitando um crescimento desordenado.
A população local saltou de 105.294 apurados em 2007 para atingir. 164.504 em 2020, segundo estimativa do IBGE, na falta da realização do Recenseamento Nacional previsto e não realizado no ano passado. São dados posteriores à influência da inauguração da Ponte Rio-Niterói, ocorrida em 1974.
A nova fase de desenvolvimento é atribuída à grande migração com a “fuga” para o interior e com o desenvolvimento do município, gerado pelos royalties do petróleo, permitindo-lhe melhorias como a construção de um Hospital Geral e de um Aeroporto..
A perspectiva agora é ampliação dos serviços de abastecimento de água e de esgotos, decorrentes da privatização da Cedae e o início de um mega-empreendimento residencial-turístico, sonho dos anos 70 do empresário Lúcio Thomé Feteira. A audiência pública será realizada quinta-feira, dia 17, devendo durar três horas e com tele-transmissão.

Estamos juntos

O Prefeito Axel Grael participou, no Rio, de encontro com o ex-Presidente Luis Ignácio da Silva .
Foi passado em revista o êxito da união de 16 partidos em torno da eleição do atual Prefeito, entre ele o PV, o PT e o PDT , fruto da excelência da administração que teve como prefeito Rodrigo Neves e o atual, por oito anos, Secretário de Planejamento e Gestão.
Lula está fora do Poder desde 2012 e nas duas eleições seguintes apoiou presidenciáveis do PT e do PDT.
Resta saber se PDT e PT estarão unidos (e com quem?) para o Governo do Estado.

Não muda

Em telefonema para a redação o deputado Waldeck Carneiro “entrevistou” a repórter, indagando de onde de onde saiu a notícia sobre sua saída do PT.
A especulação vinha sendo abordada há algum tempo sem contraposição. Mas isto foi antes do anúncio de que Marcelo Freixo, do PSol, e outros estariam a caminho do Partido Socialista.
Fica esclarecido: Waldeck não sairá do PT.

Bom exemplo

(São Paulo – SP, 12/06/2021) Motociata Acelera pra Jesus. Foto: Alan Santos/PR

Na eleição presidencial de 2018 a Rede Globo produziu um valioso e duradouro programa sob o título geral “O Brasil que queremos”, com os reporteres ouvindo habitantes de quase todos os5.570 municípios
Ficou marcante o clamor pela conclusão de obras iniciadas, não concluidas e abandonadas , incluindo postos de saúde, hospitais, escolas, etc.
Na quinta-feira passada o governador de Minas Gerais, .Romeu Zema inaugurou Hospital de Teófilo Otoni, com 427 leitos, sendo 52 de UTI, para atender a 11 municípios. Uma obra gigante ocupando àrea de 40 mil m2.
A obra estava parada, com 50% executada desde 2016 . Se pronta a tempo, estaria dando gigantesca contribuição ao combate à pandemia .
No mesmo dia inaugurou o complemento e a restauração de obras de duas estradas da região de Pavão-Joaima, com 122 km a um custo de R$ 58 milhões.

País sério

Há muita demagogia, muita falta de transparência, ausência de capacidade de gestão e excesso em gastos públicos em prejuízodos contribuinte e da credibilidade gestora de nossas autoridades.
Não adianta fazer inquérito posteriores ao mal feito pelos oportunistas.
Precisamos não apenas de bons gestores mas também de um povo vigilante substituindo o uso debochado do espaço das redes sociais em mobilizações concretas para impedir ou denunciar a malversação dos dinheiro públicos.
O ideal é impedir o início de novo empreendimentos enquanto não forem concluídos os já iniciados e abandonados.
Os contribuintes precisam ser participante pois os “representantes do povo” fazem política em beneficio próprio ou a serviço de grupos políticos, corporativos ou empresariais.

Oposição camarada

O Presidente Bolsonaro não pode reclamar. A “Tv da oposição” deu mais destaque aos gritos de “mito, ,mito” e focalizou rápidamente à manifestação do “fora, fora, genocida” quandoele trocou asmotos por uma rápida entrada num avião comercial, em SãoPaulo.
A imprensa escrita de São Paulo projetou a ocupação das estradas por mis de um milhar de motocicletas em sua passeata, do que a marcante presença de seis mil policiais e 600 viaturas para a proteção dos seus apoiadores..
Também não registrou qualquer cena de enterro num dos cemitérios ou deentrega de flores nos hospitais ao longo dos 128 km entre São Paulo e Jundiaí.
As únicas criticas foramà falta de uso de máscaras e a irregularidade da ocultação das placas.
Em verdade, o número de motos envolvidas no passeio foi mínimo em relação à `frota existente nos municípios do alegre e badalado vento.

Sem sorte

A política internacional está jogando contra o nosso Presidente.
O primeiro gol foi a retirada de Trump da Casa Branca e, no domingo, a derrubada do Poder do seu aliado israelense,.
Os seus gols favoráveis foram a volta do Brasil ao Conselho Permanente da ONU e a presença de10 países na Copa das Américas.
Para sua alegria Nicolas Maduro não veio ver o jogo da Venezuela e nem o recolhimento de 15 membros da delegação do seu país aos bons cuidados hospitalares do Brasil, nação acolhedora.

Indicador do tempo

O inverno só começa dia 21, mas no domingo logo após o horário de fechamento dos supermercados de bairros, as ruas estavam sem movimento e até os táxis estavam recolhidos.
Mas havia muita gente se cobrindo como podia, onde havia espaço de acolhimento à população de rua, bem como umas poucas pessoas tentando vender alguma coisa para obter um meio de sobrevivência.
Agora não basta servir comida ou cestas básicas. É preciso dar roupas e agasalhos aos pobres mais abandonados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 4 =