Maricá celebra Dia Mundial da Limpeza

Ação aconteceu em Espraiado, Ponta Negra, Barra de Maricá e Restinga de Zacarias

Maricá realizou neste sábado (18) um conjunto de ações voltadas à educação ambiental pelas orlas e áreas de preservação da cidade. As atividades foram uma iniciativa do Serviços de Obras de Maricá (Somar) e contou com apoio da Secretaria de Cidade Sustentável. A ação contou com a retirada de resíduos das margens dos rios e plantação de espécies da Mata Atlântica, em celebração ao Dia Mundial da Limpeza. 

Enquanto no bairro rural do Espraiado, escoteiros retiravam resíduos das margens do Rio Caranguejo e plantavam mudas de espécies da Mata Atlântica, em Ponta Negra, a equipe de Educação Ambiental oferecia diversas atividades educativas aos alunos da rede municipal. Segundo a Somar, cerca de 600 quilos de resíduos foram recolhidos em Ponta Negra, Barra e Restinga de Zacarias. 

“O nosso objetivo aqui no Espraiado, além da limpeza do Rio Caranguejo, está sendo o plantio de mudas junto aos escoteiros do agrupamento 110º GEMAR Almirante Macedo Soares. Estamos com aproximadamente 20 crianças que inicialmente visitaram a nossa sede e agora estão participando dessa atividade prática”, afirmou Márcia Freitas, gestora das Unidades de Conservação do município. “A educação ambiental é fundamental, não apenas para as crianças, mas também para os adultos”, destacou Márcia. 

Durante ação, escoteiros plantaram mudas de vegetação nativa em rios da região

“Adorei conhecer a sede e estou gostando mais ainda de poder plantar uma árvore. É muito importante que todos da nossa cidade colaborem para preservar a natureza”, disse a escoteira Vitória Rodrigues, de nove anos. 

Ação em Ponta Negra 

Já em Ponta Negra, uma grande estrutura foi montada na areia para receber as atividades. “Estamos com alguns pontos de limpeza na cidade hoje. Coletamos resíduos desde o Recanto em Itaipuaçu até aqui em Ponta Negra. Inclusive na Praia da Barra tivemos uma ação em parceria com a equipe do Instituto Estadual do Ambiente (INEA)”, explicou Lucas Azevedo, Gestor Operacional de Resíduos da Somar. “Aqui em Ponta Negra, além da Secretaria de Cidade Sustentável, também contamos com as Secretarias de Agricultura, Pecuária e Pesca e a de Educação”, destacou. 

Lucas Azevedo apontou que os resíduos mais encontrados pela orla foram tampinhas de garrafas, canudos, garrafas pet e muito material plástico. “A população precisa se conscientizar que é possível viver em um mundo sem resíduos e que todos podem fazer a sua parte e manter nosso meio ambiente limpo. Substitua tudo que é descartável por objetos que possam ser reaproveitados”, pediu o gestor. 

Alunos da Rede Municipal também participaram das atividades

Em visita a Maricá, Pedro Miguel de Oliveira, morador de São Paulo, elogiou a iniciativa da Prefeitura. “É muito legal ver uma gestão municipal realizando um trabalho tão importante. Precisamos cuidar das nossas praias e não deixar o lixo nas areias”, alertou o visitante.

Fotos: Divulgação Katito Carvalho/Prefeitura de Maricá 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 5 =