Marcos Abrahão é o eleito em Rio Bonito

Com 11.485 votos, o deputado estadual Marcos Abrahão (PT do B) ganhou as eleições municipais de Rio Bonito e é o novo prefeito. Brigando pela liderança da cidade com Marquinhos Luanda (PMDB), Dr. Carlos André (PDT), Luiz Benites (PEN) e José Luiz Mandiocão (PP) o também empresário liderou a votação com 56,44% dos votos.
A situação ainda pode mudar caso o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) defira em segunda instância o recurso sobre o pedido de candidatura do José Luiz Mandiocão. O ex-prefeito do município teve 14.826 votos e aguarda os novos rumos dessa votação. Já Marquinhos teve 8.138 votos (39,99%), Dr. Carlos 626 (3,08%), Luiz Benites 101 votos (0,50%).

Por enquanto Abrahão faz planos para mudar a saúde e educação de Rio Bonito, que serão prioridades em sua administração com combate a pobreza, fome e miséria. “Preciso sentar com calma e pensar sobre isso tudo. A cidade está muito sofrida e abandonada e o problema social é gravíssimo e vi muita pobreza, fome e miséria. Estou muito preocupado e o trabalho não vai ser fácil pois é preciso reorganizar toda essa prefeitura que está abandonada. A minha prioridade será tirar o ser humano da miséria”, comentou.

Abrahão disse que pretende resgatar o Hospital Regional Darcy Vargas, o Centro, e melhorar o atendimento; e construir o ambulatório do Hospital Municipal Manoel e Loyola Júnior, no mesmo bairro, além de reabrir a maternidade. “Também tenho que reformar 47 escolas municipais que estão precisando de atenção. Temos muito trabalho pela frente”, finalizou.

Perfil
Abrahão é um administrador, empresário e policial militar. Está no terceiro mandato de deputado estadual. Nascido e criado em Rio Bonito em 10 de março 1962, é casado com a professora e corretora de imóveis Eucimar Mendonça Abrahão. Tem dois filhos e dois netos.

Com apenas nove anos começou a trabalhar como entregador de marmitas, em seguida ingressou na feira vendendo limão, pipas e mais tarde roupas. Depois trabalhou com Antônio Marques (mecânico), Ralbino Mesquita (construtor) e com o empresário Noel Loyola, como vendedor da Nadisa. Logo depois fundou uma vidraçaria com o irmão Faiça em São Cristóvão. Em 1990, instalou uma empresa de material médico cirúrgico / odontológico / hospitalar, no Rio de Janeiro em sociedade com o ex-deputado Luiz Gomes. Em 2000 foi eleito vereador, sendo o mais votado do município de Rio Bonito. Chegou a deputado estadual em 2003 pelo PSL.

Vereadores eleitos na cidade
Reis (PMDB) – 6%
Neném de Boa Esperança (PMN) – 4,21%
Marlene Assistente Social (PPS) – 3,61%
Humberto (PSL) – 2,98%
Rafael (PT do B) – 2,95%
Claudinho Bumbum (PR) – 2,93%
Fernando da Mata (PMN) – 2,80%
Humberto Guarda (PRB) – 2,78%
Dilon (PSC) – 2,68%
Xeroca (PTB) – 2,48%

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × cinco =