Mais uma vitória contra o coronavírus em São Gonçalo

Depois de sete dias internado entre CTI e clínica médica com Covid-19, mais um paciente deixou o Hospital Municipal Luiz Palmier, em São Gonçalo, na manhã desta quinta-feira (07). O servidor público Fabiano Pereira de Oliveira de 37 anos, deixou a unidade agradecendo a Deus e aos profissionais da saúde. Ele falou sobre o medo de morrer e a saudade do filho, Fabrício, de 10 anos.

“A fé em Deus foi muito grande porque no primeiro momento pensei que fosse morrer devido a falta de ar. Assim que cheguei no hospital fui levado direto para o CTI. É um desespero”, garantiu Fabiano.

O funcionário público recebeu o primeiro atendimento no pronto socorro Central, no bairro do Zé Garoto. Com tosse seca, febre, dor no corpo e falta de ar foi encaminhado ao Hospital Luiz Palmier, que há um virou referência no atendimento a pacientes com suspeita ou contaminados pelo coronavírus.

Após ser atendimento por outro médico, o paciente foi submetido a uma tomografia de pulmão, que mostrou a evolução do Covid-19. “Só pensei no meu filho. Porque ele é o que mais precisa de mim. Depois pensei nos meus irmãos. Eu tinha fé que Deus não ia me levar para o cemitério”.  

O Hospital Luiz Palmier tem hoje 22 pacientes internados na clínica médica e oito no Centro de Tratamento Intensivo (CTI). A direção da unidade aguarda a contratação de mais médicos e enfermeiros para abrir mais leitos,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte + nove =