Longe da degola, Neilton acredita que G4 do Brasileirão é consequência

Depois da briga para se distanciar da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, o Botafogo já vive outra realidade na competição. Com 38 pontos, a equipe está a sete pontos do Santos, primeiro time do G4. Mas para o atacante Neilton, um dos destaques do Fogão no Brasileirão, a zona de classificação para a Libertadores não é o objetivo.

“Muita gente vinha falando que o Botafogo mirava o G-4, mas se for ver, lá atrás, falava que o Botafogo estava sendo rebaixado, que brigaria pra não cair. Mas ganhamos algumas, nos distanciamos e agora já falam de G-4. Sabemos e temos total capacidade”, disse o atacante.

Os cariocas deixaram escapar uma grande chance na última rodada, quando enfrentaram o lanterna América-MG e acabaram derrotados por 1 a 0. Apesar do resultado adverso, o jovem atacante botafoguense acredita na força do elenco.

“Temos elenco e um elenco muito bom aqui, podemos chegar no G-4, mas primeiro temos que pensar primeiro em nos distanciarmos do Z-4, chegar no primeiro objetivo que são os 46 pontos e depois jogar leve para chegar na frente”, afirmou.

Depois de dois jogos fora de casa, o Botafogo volta a atuar no Rio de Janeiro, e espera usar sua casa como diferencial para o duelo deste sábado, contra o Corinthians, no estádio Luso-Brasileiro.

“É manter a nossa postura e forma de jogar. Será um jogo difícil e um confronto direto na tabela. Jogar como sempre jogamos para conseguir um bom resultado. Dá para descansarmos melhor nessa semana para entrarmos inteiros para jogar na Arena, com o calor da torcida. Lá temos conseguido bons resultados e isso é importante para nós”, ressaltou Neilton.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete + 19 =