Lanchonete é atacada em Icaraí

Augusto Aguiar –

Mesmo com policiamento intensificado nos bairros da Zona Sul de Niterói, com patrulhamento de reforçado do Programa Niterói Mais Segura e policiais militares do 12º BPM, os bandidos seguem espalhando o pânico e praticando roubos a transeuntes e a estabelecimentos comerciais que funcionam na região. Os assaltos são geralmente praticantes entre o fim da noite e a madrugada, horário em que bares, restaurantes e lanchonetes ainda apresentam movimento de clientes. No fim da noite de segunda-feira (09), integrantes de uma quadrilha que aterroriza os bairros da Zona Sul há algum tempo atacou novamente.

Clientes e funcionários que estavam na Lanchonete Compão, situada na Rua Coronel Moreira César, foram surpreendidos por pelo menos três criminosos armados, que desembarcaram de um veículo, modelo Honda Fit, de cor preta. De acordo com relatos, as vítimas foram rendidas por volta das 23 horas e obrigadas a entregarem dinheiro e pertences aos bandidos, que recolheram os objetos e fugiram rapidamente do local. Moradores chegaram a registrar imagens da ação dos bandidos e divulgaram nas redes sociais.

“No momento em que eles chegaram havia pouco movimento na rua. Não sei como eles sabem o momento exato em as viaturas da PM não passam por determinado local. Acho que a polícia deveria intensificar o patrulhamento não apenas na Coronel Moreira César, mas em outras ruas do bairro de Icaraí. Os bandidos estão rondando as ruas do bairro de carro e se aproveitam dos locais que não tem cobertura da polícia para atacarem. Não dá nem mais vontade de sair de casa”, afirmou o porteiro de um dos edifícios próximos ao local do assalto. Ele preferiu não se identificar com medo de represálias. “A gente se sente impotente diante da ação desses marginais. Se um deles for baleado, tenho certeza que vai aparecer um monte de gentes alegando que são inocentes. A Zona Sul de Niterói, já sofre há muito tempo com os assaltos. Tá difícil”, declarou o proprietário de uma loja, também situada na mesma rua.

No mesmo bairro, há poucas quadras da Rua Moreira César, no início do mês, menos de 24 horas após um bar ser assaltado na Rua Tavares de Macedo, no dia 28, clientes de um outro foi roubado, na Rua Geraldo Martins. Dois criminosos roubaram pertences de clientes do Bar Travessa, mas diferente dos outros casos, em que eles conseguiram fugir, policiais militares prenderam um dos envolvidos. Ele é também suspeito de integrar o bando que praticou um arrastão aos clientes de outro bar, situado na Rua Tavares de Macedo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × cinco =