Lançamento de livro conta história do forró

Nesta quinta, às 19h, em comemoração a semana do nordestino, o cantor e compositor Marcus Lucenna lança o livro “Marcus Lucenna na Corte do Rei Luiz”, pela editora Queima Bucha, na Barraca da Chiquita, em Icaraí.
A obra revisita suas trajetórias artística e pessoal, que se cruzam com episódios e figuras marcantes da história do forró. Começa pela infância e adolescência em Mossoró (RN), passa pela chegada ao Rio, em 1977, aos 16 anos, sua militância em favor da cultura popular nordestina na cidade e as suas relações com personalidades do gênero e da sociedade carioca, até chegar aos dias atuais.

O resultado é uma narrativa repleta de estórias curiosas, muitas delas ausentes das biografias de grandes nomes como Luiz Gonzaga, o Rei do Baião, a quem Marcus conheceu em um showmício em Mossoró; Zé do Norte, o autor da canção “Mulher Rendeira”, mundialmente conhecida por ter sido trilha sonora do filme “O Cangaceiro”, Melhor Filme de Aventura do Festival de Cannes de 1953; e Jaguar, o editor dO Pasquim, jornal que lhe prestou os primeiros louros da carreira.
Poeta-cantador, membro da Academia Brasileira de Literatura de Cordel (ABLC) e ferrenho defensor da cultura popular nordestina, Marcus Lucenna é representante dos músicos no Fórum Forró de Raiz RJ. Em 2019, está completando 30 anos de carreira musical, que teve início com seu primeiro LP (Cantolínia Psicordélica), lançado em 1989, pela Polygram, uma das maiores gravadoras à época. De lá para cá, lançou 15 álbuns e apresentou-se em diversos estados do país, compartilhando palco com músicos como Fagner, Elba Ramalho, Ednardo, Geraldo Azevedo e Tânia Alves.

A Barraca da Chiquita fica na Rua Mariz e Barros, 236 em Icaraí. Mais informações pelo telefone (21) 3492-7384.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *