Jovens passam a ter identidade própria

A Prefeitura de Itaboraí realizou na última terça-feira (10), no Salão Nobre da instituição, a cerimônia de lançamento do programa Identidade Jovem no município. A ID Jovem é o documento que possibilita acesso aos benefícios de meia-entrada em eventos artístico-culturais e esportivos e também a vagas gratuitas ou com desconto no sistema de transporte coletivo interestadual, conforme disposto no Decreto 8.537/2015.

O prefeito de Itaboraí, Dr. Sadinoel Souza agradeceu pela vinda do projeto e pelo empenho dos profissionais em se capacitar para oferecer o melhor para os usuários do programa.

“Os jovens são o futuro da sociedade. Por isso, quanto mais projetos chegarem para os jovens, mais o município ganha. E este projeto será de suma importância, porque irá beneficiar as pessoas que necessitam da ‘ajuda’ do Estado, que serão ofertados por meio do programa. Assim, contribuindo para inclusão social dessa parcela da população”, destacou o prefeito.

Lançado pelo Governo Federal em 2016, a ID Jovem é um programa desenvolvido pela Secretaria Nacional da Juventude e que visa atender jovens com idades entre 15 e 29, e que possuem uma renda familiar de até dois salários mínimos. Para participar da Identidade Jovem, estes jovens devem se inscrever no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, o CadÚnico. Por ser um programa destinado a jovens, nada mais apropriado do que seu formato estar de acordo com as demandas atuais da juventude.

Em Itaboraí, o projeto será ministrado por meio de uma Coordenadoria Municipal da Juventude, que será criada pela atual gestão, e que contemplará ainda o Espaço Universitário. Segundo o coordenador do Espaço Universitário, Estevão Ferrero, o órgão municipal não está focado apenas no estudante universitário, e sim no jovem em geral.

“Primeiramente quero agradecer ao nosso prefeito Sadinoel, por acreditar, valorizar e incentivar a juventude do município. Recebemos a capacitação e agora vamos disseminar o que aprendemos para os jovens que não possuem tanto acesso as informações”, disse Estevão.

Após a cerimônia de lançamento, os envolvidos no projeto, como a equipe do Espaço Universitário e os coordenadores dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) receberam uma capacitação do ID Jovem, ministrados pela consultora do programa da Secretaria Nacional da Juventude, Thaiz Nascimento e a da superintendente de políticas da juventude da Secretaria Estadual de Esporte, Lazer e Juventude, Jéssica Ohana.

“O intuito do programa é fortalecer as políticas públicas da juventude, por meio do Estatuto da Juventude, sancionado em 2013, mas que demorou 10 anos para ser aprovado. Assim, oferecendo acesso à cultura e mobilidade ao território. Quero agradecer pelo carinho e hospitalidade que recebemos aqui na cidade. Venho acompanhando por muitos anos a juventude no município, e realmente estava abandonada pela administração pública. Hoje vejo o quanto mudou essa realidade mudou”, ressaltou Jéssica Ohana.

Presentes ao lançamento, as estudantes Beatriz de Santa, 18 anos e Mayra Elizabeth Marins, 18 anos, ambas cursando o 3º ano do Ensino Médio na Escola Estadual Salvador de Mendonça aprovaram o projeto e elogiaram a ação do Espaço Universitário em “tomar” à frente e ajudar os jovens do município.

“Eu já fiz o cadastro pela internet, mas ainda não usei, porque não tive oportunidade. Mas agora com mais amigos fazendo o cadastro vamos poder usar e pagar meia entrada em cinema, jogos de futebol e usufruir de tudo que podemos”, disse Mayra.

O evento contou ainda com a participação de secretários municipais e vereadores. Além de alunos da Escola Estadual Salvador de Mendonça, em Venda das Pedras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *