Jovens de Niterói ganham 40 bolsas para qualificação

Jovens moradores de comunidades carentes de Niterói vão ter a oportunidade de se qualificarem, gratuitamente, para algumas das profissões mais promissoras do mercado na atualidade como técnico de manutenção de computadores, celulares e robôs, drones, dispositivos vestíveis e robótica social. Isso vai ser possível em função da parceria entre o Projet More – organização não governamental sem fins lucrativos que desenvolve projetos sociais na cidade, e a rede de escolas de informática e inglês Microcamp, através de sua unidade em Niterói e do Projeto Meu Brasil, parceria da empresa.

Serão disponibilizados 40 cursos com duração de dois anos. Além das aulas e do material didático, os jovens receberão também lanche nos dias em que forem à escola. A seleção dos jovens será feita pela direção do Projet More, com base no histórico deles, suas necessidades e comprometimento com as propostas e princípios da instituição.

Na área de informática, será oferecido o curso de Hardware, onde os jovens vão aprender a montar e fazer manutenção não só em computadores, mas também em celulares Apple e Android e robôs. E ainda trabalham com o Arduino, que são placas que permitem criar desde um braço robótico até a automação de uma casa.

Este curso também oferece módulos complementares atualizados que preparam os jovens para as profissões mais em alta no mercado atualmente como Manutenção de Drones, Case Mod(que é artede customizar o gabinete do computador baseado em algum tema de interesse), Dispositivos Vestíveis(aparelhos que permitem uma maior interação do usuário com seu smartphone, como os óculos de realidade virtual, os relógios e as pulseiras inteligentes) e Robótica social(robôs com função social, que interagem com seres humanos).

Já o curso de inglês que será disponibilizadopara os jovens será o I DO, que utilizada o melhor métodopara se aprender o idioma, que é baseado no desenvolvimento natural de comunicação usando as habilidades de falar, ler, escrever e ouvir de forma integrada e contextualizada. O curso ainda tem módulos complementares como o Inglês para Viagens, Inglês Profissional, Inglês para Youtube e Inglês para Culinária.

“A proposta é qualificar e preparar esses jovens para o mercado de trabalho e ao mesmo tempo mantê-los longe das ruas e do perigo que isso representa para eles, principalmente nas comunidades onde vivem. Esperamos que seja um gente transformador”, justifica Elsner Cornetti, diretor da Microcamp em Niterói.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 + 18 =